Entre os dias 1 e 11 de dezembro, o cinema do IMS-RJ, em parceria com o British Council, exibe a mostra Shakespeare e cinema, com 13 filmes que celebram a influência da obra do dramaturgo William Shakespeare (1564-1616).

A programação conta também com um debate com Roberto Rocha, professor adjunto de literaturas de língua inglesa da UFRJ, após a exibição de Rei Lear, de Peter Brook, no dia 3 (sábado) às 16h, em que falará sobre as adaptações da obra de Shakespeare para o cinema com mediação de Guilherme Freitas, editor-assistente da revista serrote.

Para Laurence Olivier (1907-1989), “Shakespeare, de certa, forma, escreveu para o cinema”, destaca Roberto Rocha em seu texto que acompanha o livreto de programação do cinema do IMS-RJ. Olivier adaptou e dirigiu três longas-metragens baseados em peças de Shakespeare. Sua adaptação de Hamlet, para Rocha, “um clássico absoluto”, será exibida na sessão de abertura, na quinta-feira (1) às 19h.

O professor da UFRJ lembra também que nem toda adaptação de Shakespeare se baseia em seu texto dramático, algumas partem de uma montagem específica de sua obra, como é o caso de Rei Lear, de Peter Brook (1925), também na programação, versão cinematográfica da montagem que ele dirigiu para a Royal Shakespeare Company, em 1962.

Já em Trono manchado de sangue, exibido no dia 2 (sexta-feira), o cineasta japonês Akira Kurosawa transportou a história de Macbeth para o seu país. Seguindo de perto o enredo shakespeariano, os principais personagens estão todos presentes, mas ganham uma roupagem típica do teatro nô e dos filmes de espada japoneses.

A seleção de filmes atesta a riqueza com que a obra shakespeariana tem sido recriada no cinema. Para Rocha, “cada um dos filmes […] constitui uma obra autônoma que conquista seu valor não por se basear em uma obra de Shakespeare, mas pelos meios de (re)criação por eles engendrados a fim de tornar essa obra ainda artisticamente viva e significativa, passados 400 anos da morte de seu autor”.

Os filmes que serão exibidos na mostra são: Hamlet, nas versões de Laurence Olivier, vencedor do Oscar e do Leão de Ouro em 1948, e de Kenneth Branagh; Rei Lear, nas adaptações de Peter Brook e de Grigori Kozintsev; Macbeth, dirigido por Roman Polanski; e Romeu e Julieta, por Franco Zeffirelli. A programação inclui ainda releituras de tragédias por Akira Kurosawa, em Trono manchado de sangue, Richard Loncraine, em Ricardo III, Oliver Parker, em Othello, e pelos irmãos Taviani, em César deve morrer. Dirigidos por Derek Jarman, serão exibidos A tempestade, que teria sido a última peça escrita pelo autor, e The Angelic Conversation, realizado a partir dos sonetos de Shakespeare para um jovem aristocrata.

Além disso, o Clube de Leitura do IMS realiza uma palestra com Marta de Senna, professora e pesquisadora, sobre as relações entre Machado de Assis e Shakespeare no dia 1º (quinta-feira), às 19h.

PROGRAMAÇÃO

Quinta-feira | 1º de dezembro
19h Shakespeare em Machado: romances e contos
Clube de Leitura – Palestra com Marta de Senna, professora e presidente da Fundação Casa de Rui Barbosa

19h Hamlet de Laurence Olivier (Reino Unido, 1948. 161’)
14 anos

Sexta-feira | 2 de dezembro
20h Trono manchado de sangue de Akira Kurosawa
(Japão, 1957. 111’)
14 anos

Sábado | 3 de dezembro
14h30 César deve morrer de Paolo e Vittorio Taviani
(Itália, 2012. 77’) / Exibição em 35 mm
14 anos

16h Rei Lear de Peter Brook
(Dinamarca, Reino Unido, 1970. 137’)
14 anos
+ debate com Roberto Rocha

19h30 Macbeth de Roman Polanski
(EUA, Reino Unido, 1971. 140’)
16 anos

Domingo | 4 de dezembro
14h Ricardo III de Richard Loncraine
(EUA, Reino Unido, 1995. 104’)
16 anos

16h Hamlet de Kenneth Branagh
(EUA, Reino Unido, 1996. 242’)
14 anos

20h Garotos de programa de Gus Van Sant
(EUA, 1991. 104’)
18 anos

Terça-feira | 6 de dezembro
19h45 Romeu e Julieta de Franco Zeffirelli
(Itália, Reino Unido, 1968. 138’)
14 anos

Quarta-feira | 7 de dezembro
19h45 Othello de Oliver Parker
(EUA, Reino Unido, 1995. 123’)
14 anos

Quinta-feira | 8 de dezembro

18h30 The Angelic Conversation de Derek Jarman
(Reino Unido, 1985. 78’)
14 anos

20h A tempestade de Derek Jarman
(Reino Unido, 1979. 92’)
16 anos

Sexta-feira | 9 de dezembro
20h Garotos de programa de Gus Van Sant
(EUA, 1991. 104’)
18 anos

Sábado | 10 de dezembro
20h Ricardo III de Richard Loncraine
(EUA, Reino Unido, 1995. 104’)
16 anos

Domingo | 11 de dezembro
17h15 Rei Lear de Peter Brook
(Dinamarca, Reino Unido, 1970. 137’)
14 anos

19h45 Rei Lear de Grigori Kozintsev
(URSS, 1971. 130’)
14 anos

Serviço:
Mostra Shakespeare e cinema
Data: 1 e 11 de dezembro
Local: IMS-RJ

Debate após a exibição de Rei Lear
Data e hora: 3 de Dezembro (sábado) às 16h

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here