Adaptação do programa de televisão comandado por José Maurício Machline na televisão entre 1991 e 2004, o evento Por Acaso no Rival recebe na próxima quarta Ney Matogrosso com Filipe Catto.

Agora aberto ao público, com ingressos a preços populares, o projeto, que promove bate-papos informais e números musicais com grandes nomes da MPB, já levou ao palco do Teatro Rival encontros de Zeca Pagodinho com Mariene de Castro; Gal Costa com Alice Caymmi; Lenine com Roberta Sá; e João Bosco com Hamilton de Holanda.

Além do evento no teatro, o público também poderá assistir aos melhores momentos do programa em vídeos que são disponibilizados semanalmente no canal do Prêmio da Música Brasileira no youtube.

Criador da mais respeitada premiação da música brasileira há quase três décadas, Machline estendeu sua paixão à música em várias direções ao longo da carreira, uma delas o programa de TV Por Acaso, que comandou em duas emissoras até 2004 e reúne um impressionante acervo de mais de 600 entrevistas com artistas e personalidades da cultura brasileira de todos os gêneros e gerações.

A parceria com Leandra Leal e Alê Youssef – à frente do Rival desde abril, quando o espaço reinaugurou após ampla reforma – veio ao encontro de um desejo antigo de Zé Maurício, como é carinhosamente chamado no meio, de reeditar o programa: “Há algum tempo vinha pensando em retomar este projeto e essa colaboração traz a oportunidade não apenas de realizá-lo, como também oferece uma possibilidade ainda mais ampla de interagir com os artistas em um formato ao vivo, que trará mais calor e dinamismo às entrevistas”, explica.

Rebatizado de Por Acaso no Rival, o programa é abrangente e, assim como o Prêmio, contempla todos os gêneros da música brasileira, recebendo a cada semana uma dupla que tenha algum tipo de afinidade artística. “A ideia é sair do lugar comum, promover encontros interessantes entre músicos com a mesma linguagem, entremeando a conversa com números musicais que fujam do repertório mais conhecido do artista”, detalha Machline.

Nessa quarta, os convidados são Ney Matogrosso e Filipe Catto.

Serviço:
Por Acaso No Rival
Horário: 20h
Ingresso: R$ 20,00 (inteira) / R$ 10,00 (meia)
Local: Teatro Rival (Rua Álvaro Alvim, 33 – Cinelândia – Centro)

Foto: Marcelo Faustini

1 Comentário

  1. Que ideia insuportavelmente perfeita. Não estou conseguindo lidar com a perfeição desta ideia e já imagino esse programa sendo gravado no Baixo Augusta antigo Studio SP.
    Vem pra Sampa com este projeto! Venha

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here