Há quem acredite que os mocinhos são a força motriz de qualquer história, já outros acreditam que os malfeitores são o verdadeiro impulso. Até porque, sem suas vilanias os heróis nunca teriam um motivo para serem heróis, seja o de sequestrar a paixão do protagonista ou ameaçar sua cidade. Muitos vilões acabam por se destacar tanto em suas histórias que mesmo que seus planos falhem, eles conseguem ser eternos nas memórias dos espectadores. Segue abaixo dez vilões marcantes que gravaram seus nomes na história:

exorcistaPazuzu (O Exorcista): Uma entidade demoníaca que foi capaz de possuir uma garotinha inocente, aos poucos deformando seu corpo e protagonizando algumas das cenas mais chocantes já vistas em um filme. Pazuzu foi apresentado pela primeira vez no clássico de 1973. Algumas cenas em que a jovem garotinha Regan (Linda Blair) estava possuída por ele foram tão intensas que algumas pessoas tiveram que sair em ambulâncias dos cinemas.

star-wars

Darth Vader (Star Wars): Com sua respiração inesquecível, um traje completamente negro, o famoso sabre de luz vermelho e o maior “Plot Twist” da história, Vader foi o maior terror da galáxia criado por George Lucas e é considerado uma das marcas mais rentáveis da cultura pop atual. Esse é um dos casos em que por mais que o personagem seja maligno seu carisma é capaz de conquistar a todos.

psicoseNorman Bates (Psicose): Um jovem tímido, dono de um hotel de beira de estrada, que mora e cuida da mãe idosa não seria capaz de amedrontar ninguém certo? Algumas das mulheres que passaram por seu hotel descordariam, isso porque todas elas foram vitimas da psicopatia de Norman que, ao se sentir excitado por elas, era tomado por um furor homicida que sempre terminava na morte de suas vitimas. Umas das mais famosas cenas do cinema, a do assassinato no chuveiro, é uma amostra do monstro que vive dentro dele.

hallowennMichael Myers (Halloween): Ainda na sua juventude, Michael foi internado em um sanatório depois de assassinar sua irmã, desde então ele se tornou introspectivo sem sentimentos e não há quase ninguém que consiga sobreviver a sua sede de sangue. Suas características marcantes são a faca de carne, sua arma principal, e sua mascara muito branca. Myers também é considerado o maior vilão de filmes “Slasher” (terror envolvendo serial killers).

hora-do-pesadeloFreddy Krueger (Hora do Pesadelo): Enquanto vivo Freddy foi acusado de sequestrar crianças, como consequência os pais delas resolveram queimar a casa de Freddy, enquanto o mesmo estava dentro, porém seu último ato antes de morrer foi amaldiçoar seus filhos, aonde nenhum deles estaria seguro no mundo dos sonhos. Anos depois, esses jovens começam a ter pesadelos com Krueger. Com sua cara deformada por queimaduras, suas luvas equipadas com garras metálicas, suéter listrado e chapéu, Freddy Krueger se tornou um ícone do terror e com certeza tirou o sono de muita gente, ele é o verdadeiro bicho papão.

silencio-dos-inocentesHannibal Lecter (Silêncio dos Inocentes): Hannibal é a síntese do homem civilizado e culto, gosta de gastronomia refinada, musica clássica e conversas eruditas, além de servir jantares suntuosos. Entretanto, as comidas servidas nesses jantares nada mais são do que carne humana. Lecter é o mais famoso canibal da Sétima Arte, a cena em que ele está equipado como uma focinheira se tornou icônica e sua interpretação pelo ator Anthony Hopkins garantiu ao britânico um Oscar de melhor ator em 1992.

bastardos-ingloriosHans Landa (Bastardos Inglórios): Hans era um caçador de judeus durante o período da Alemanha nazista, a príncipio ele demonstra uma atitude serena e compreensiva ganhando aos poucos um certo apresso do espectador. No entanto, essa atitude vai dando espaço a um ódio mortal por qualquer membro da religião judaica, chegando a compara-los a ratos que se escondem em baixo do assoalho. Mesmo que de forma irônica Landa foi criado como uma critica ao pensamento dos oficiais alemães da época que se julgavam como uma raça superior. O ator Christoph Waltz ganhou um Oscar de melhor ator coadjuvante por interpretá-lo.

101-dalmatasCruella de Vil (101 Dálmatas): Mesmo sendo uma vilã originalmente apresentada na clássica animação de 1961, Cruella se notabilizou por ser retratada como uma verdadeira psicopata narcisista, cujo o objetivo era ter um casaco de pele produzido a partir da pele de filhotes de Dálmatas, como se já não fosse algo cruel o suficiente, ela também lança mão de várias manobras criminosas para alcançar seus objetivos. Interpretada pela atriz Glenn Close, Cruella é considerada a trigésima nona maior vilã do cinema.

o-cavaleiro-das-trevasCoringa (O Cavaleiro das Trevas): O personagem em si já havia sido introduzido em filmes anteriores, no entanto, sua versão na obra de Christopher Nolan se mostrou diferente das outras por apresentar um Coringa homicida e anarquista. Essa versão também bebe de muitas fontes das HQ´s, como o fato dele não ter uma origem definida, sua preferência por facas e o relacionamento intenso com o Batman. O ator Heath Ledger acabou por falecer após finalizar sua interpretação do Coringa e ganhou um Oscar póstumo de melhor ator coadjuvante.

panicoGhostface (Pânico): Mais um ícone dos filmes “Slasher” Ghostface é a alcunha da fantasia de anjo da morte usada sempre por dois assassinos nos filmes da franquia Pânico. O personagem se tornou muito conhecido na cultura por sua icônica mascara branca, com olhos e boca arregalados e esticados, inspirados no quadro “ O Grito”, de Edvard Munch. O personagem também se notabiliza por não conter uma carga aterrorizante tão pesada quanto outros vilões do gênero, uma vez que ele cai bastante, erra o alvo e etc.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here