Mega estruturas, equipamentos urbanos, passarelas, a arquitetura ocupada no centro da cidade e a arquitetura das periferias. Estes são alguns dos pontos retratados por 12 alunos de um workshop gratuito e aberto à comunidade promovido pela Fundação Stickel com apoio do CAU/SP. O trabalho foi reunido em um ensaio com curadoria da fotógrafa Ana Mello, também responsável por ministrar o curso, denominado “Franz Heep: registro no centro e revelação na periferia”.

O resultado deste workshop pode ser visto até o dia 9 de janeiro em exposição aberta ao público, intitulada “Introdução à fotografia de arquitetura – O espaço criado pela Luz”, na Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha.

A arquitetura na periferia, por Janaina Mara Teixeira Nunes

Os alunos registraram projetos de grandes nomes da arquitetura local, como Paulo Mendes da Rocha – com a Praça do Patriarca (2002) e o novíssimo Sesc 24 de Maio (2017), realizado em parceria com o MMBB –, Brasil Arquitetura, autores do projeto da Praça das Artes (2006) –, e Roger Zmekhol – Edifício Wilton Paes de Almeida (1968) –, entre outros, mas também a arquitetura das periferias e manifestações culturais típicas da urbanidade como o Grafitti.

O workshop com a fotógrafa Ana Mello é a contrapartida social de um projeto cultural com parceria de fomento do CAU/SP. Outro resultado é o livro “Franz Heep: Um Arquiteto Moderno”, de Marcelo Barbosa com fotos de Ana Mello, editado pela Monolito, cujo lançamento acontecerá em fevereiro de 2018.

Serviço
Exposição “Introdução à fotografia de arquitetura – O espaço criado pela luz”
Local: Fábrica de Cultura Vila Nova Cachoeirinha – Rua Franklin do Amaral, 1575
Temporada: De 11 de dezembro a 9 de janeiro
De terça a sexta: das 9h às 19h, sábados das 9h às 17h e domingos das 12h às 17h.
*Sujeito a alteração de horário de acordo com a programação da Fábrica da Cultura.
Fotos de Silvia Dutra de Faria e Diego Moreno Ribeira de Oliveira

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here