O novo álbum da Orquestra Sanfônica do Rio de Janeiro revela a melhor fase do instrumento de fole no Brasil. Em quatro anos de existência, a Sanfônica apresenta o novo álbum no Teatro Rival.

Entre os parceiros de Caldi no disco, estão os músicos da orquestra, como Yeda Maranhão, Roberto Kauffmann, Rodrigo Bis e Alberto Magalhães. Há ainda peças em parceria com Silvério Pontes e Chico Salles.

Inédita no Rio de Janeiro, a orquestra de sanfonas é formada por 15 sanfoneiros, além de três cantores, dois percussionistas, um baixista e um rabequeiro, totalizando 22 músicos.

Neste ano, a Sanfônica fez uma série especial em homenagem ao centenário de Jackson do Pandeiro. Outras homenagens já foram feitas para Luiz Gonzaga e Pixinguinha.

“Neste CD está o registro cuidadoso daquilo que fazemos de melhor.”, sintetiza o maestro Marcelo Caldi, que ousou apostar no repertório autoral, em 15 faixas inéditas, marcadas pela diversidade rítmica, por melodias singelas, dentro de uma atmosfera musical única, evocando a festa, a celebração, a dança, o encontro alegre com as pessoas. São baiões, xotes, maxixes, choros, valsas, quadrilhas… revisitados dentro de uma linguagem singela, em que se destaca a sonoridade coletiva.

Serviço:
Orquestra Sanfônica do Rio de Janeiro | Maestro Marcelo Caldi
Local: Teatro Rival (: Rua Álvaro Ramos, 33/37, Centro)
Dia: 23 de novembro
Horário: 19h30
Ingressos: https://tinyurl.com/y4opse8u

Foto: Cyntia C Santos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here