Hebe Camargo foi, certamente, uma das maiores comunicadoras do Brasil, com uma história que se mistura com a própria história da televisão brasileira. Nada mais justo do que homenageá-la com uma cinebiografia, que traz Andrea Beltrão no papel-título – em uma interpretação que não cai na armadilha comum de tentar imitar a estrela da TV, mas sim pegando a essência de quem foi Hebe. Há licenças poéticas e passadas de pano, mas é um relato importante para entender de onde viemos e para onde vamos (até porque muitos dos conflitos e discursos ainda parecem, infelizmente, assustadoramente atuais. Indicado para os fãs da Hebe e do passado (principalmente da década de 1980) e também para quem estuda a televisão brasileira. Em cartaz no Google Play,Now, YouTube e Apple TV.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here