Canal Brasil celebra Dia Internacional do Orgulho LGBTQI+.

Diversidade, empoderamento e respeito acima de tudo. No Canal Brasil, tem conteúdo LGBTQI+ o ano inteiro! Em junho, no entanto, é ainda mais especial. Antes de tudo, é importante frisar que o Dia Internacional do Orgulho LGBTQI+ (28 de junho), é de suma importância.

A fim de celebrar a data, o mês de Junho já começa com novidade e a volta do talk show mais irreverente da TV! No dia 1º, à 0h, Linn da Quebrada e Jup do Bairro invadem as telas com os episódios inéditos de “TransMissão”, repletos de bate-papos sobre questões de gênero, sexo, raça e temas variados do cotidiano. Defensoras da igualdade e da liberdade, as apresentadoras recebem convidados tão engajados quanto elas. Na antevéspera da estreia, os dois primeiros episódios estarão liberados no Canal Brasil Play, também para não assinantes.

A comemoração também rolará às sextas, sábados e domingos, de 5 a 28 de junho, sempre às 23h10, com o “Especial Orgulho LGBTQI+”. O Canal Brasil preparou uma seleção com 12 produções, entre ficções e documentários, que exaltam orgulho e amor, com toda certeza.

 Já na sexta, dia 26, é a vez da produção de Daniel Nolasco, que acompanha a segunda edição do concurso Mr. Leather Brasil, competição realizada por homens gays fetichistas, em especial nas roupas de couro e na prática de BDSM. O campeão recebe o prêmio pelas mãos de Dom Barbudo, o primeiro Mr. Leather do país, e terá como tarefa divulgar a cultura do couro durante o próximo ano. A lista do “Especial Orgulho LGBTQI+” também conta com filmes premiados.

Tem mais programação especial com a chegada de dois documentários inéditos ao Canal Brasil. “Como Somos” vai ao ar no dia 1º, às 18h50, e propõe uma reflexão sobre diversos assuntos, como identidade de gênero, transexualidade, saúde, religião e psicologia.

Na quarta, dia 3, às 20h, o destaque é para Carta Para Além dos Muros, de André Canto. O documentário remonta os caminhos do vírus causador da AIDS no Brasil ao longo das quatro últimas décadas, desde o seu surgimento e sua fase epidêmica, nos anos 1980 e 1990, até os dias atuais.

A programação temática fica completa com a maratona de todos os episódios de “Toda Forma de Amor”, série original Canal Brasil, no domingo, dia 28, a partir de 0h45.

O mês de homenagens ainda ganha uma chamada emocionante e inspiradora, que mescla cenas de alguns filmes e documentários do “Especial Orgulho LGBTQI+”, como Bixa Travesty, Flores Raras e Praia do Futuro. Linn da Quebrada e Jup do Bairro dão voz ao texto de fundo, que afirma todos os motivos pelos quais continuam na luta por seus direitos na sociedade.

A homenagem, acima de tudo, é uma celebração sobre diversidade. Com a finalidade de exaltar o Movimento e suas conquistas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here