O Grupo Folias d´Arte criou a mostra a partir da intervenção “Relato de uma morte que aconteceu na esquina” dirigida por Rogério Tarifa, dentro do projeto Folias Brechtianas que contava com um cortejo cênico-musical ocupando toda a rua. Para conseguir realizar foi necessário fechá-la, através de uma autorização da CET. O grupo aproveitou a oportunidade para fazer um grande festival: foram três dias com atrações de teatro (infantil e adulto) e música.

Com o novo contexto da pandemia, o grupo decidiu transpor este evento comunitário e de ocupação da rua para a plataforma virtual, com cada pessoa assistindo de sua tela, de sua casa. A ação virtual possibilita atingir um público diverso que poderá acompanhar uma rica e diversificada programação cultural de 48 horas de duração, de 17 a 19 de julho, além de quatro intervenções que acontecem de 9 a 12 de julho.

“Sobrevivendo a duras penas às chuvas, aos ratos, à toda espécie de carniça e intempéries do tempo e do capital, é com muito orgulho que comemoramos os 20 anos de existência deste palco pisado por tanta gente interessante e talentosa em um evento virtual. Já que a pandemia colocou a todos dentro de casa, queremos olhar neste momento de isolamento social para as ações que aconteceram e acontecem na rua: nosso mais recente oceano de pesquisa, espaço público de encontro, de arte e de lazer. Estão todos convidados a fazer parte desta experiência.” Comenta Clara Moser, atriz e integrante do grupo Grupo Folias d´Arte.

Confira a programação!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here