Livro sobre a cultura tropifágica é lançado após uma década de pesquisas.

“Tropifagia – Comendo o país tropical”, escrito pelos pesquisadores Thiago Pondé e Aline Carvalho, será lançado entre os dias 15 e 18 de setembro, durante o XVI Enecult Online. No dia 18 haverá, ainda, uma live no canal da Lei de Emergência Cultural no YouTube, às 19h, como parte do cronograma da Conferência Popular de Cultura.  Aliás, o encontro virtual será um sarau artístico com debate e terá a participação do pesquisador e ex-secretário estadual de Cultura de Campinas, Célio Turino, que é um dos responsáveis pela formulação do programa Cultura Viva, e de outros intelectuais e artistas.

“A publicação tem o desejo de contribuir para os principais debates em voga hoje no país, da estética à política e à cultura. O livro também homenageia Gilberto Gil, Jorge Mautner e Luiz Galvão, por toda a contribuição dada à cultura brasileira, e reforça-os como principais referências para o acontecimento deste projeto que foi a Cena Tropifágica”, diz Pondé.

A ideia do livro nasceu num encontro com Gilberto Gil, em 2010, durante a produção da 7º Bienal de Cultura da União Nacional dos Estudantes (UNE), no escritório carioca da Gegê Produções. Foi quando os pesquisadores, ligados às Universidades Federais da Bahia e do Rio de Janeiro, fundaram a Cena Tropifágica, uma rede-projeto que vigorou até 2017. Assim, iniciaram uma pesquisa sobre cultura brasileira através do conceito tropifagia (comendo o país tropical), inspirados pelo Movimento Antropofágico, pela Tropicália e pelo programa Cultura Viva.

Pondé e Carvalho organizaram e participaram de várias atividades, como a construção do acervo artístico de multilinguagem Comendo o País Tropical (2016), com participação de Jorge Mautner, Luiz Galvão (Novos Baianos) e Mariella Santiago; o desfile de carnaval de 2017 do bloco Tarado ni Você, com o tema tropifagia, que reuniu mais de 70.000 pessoas em São Paulo; e o show Cena Tropifágica Convida, realizado em 2016, em Salvador.

Ainda em 2016, Pondé iniciou uma pesquisa de mestrado acerca deste conceito, tropifagia, no Programa Multidisciplinar de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade (Pós-Cultura/UFBA), que resultou numa dissertação indicada pela banca de professores para publicação por sua originalidade. A dupla decidiu publicar esse livro em conjunto, resultado da dissertação ampliada, intitulado “Tropifagia – Comendo o País Tropical”, de 340 páginas. Este é o primeiro livro dele, filósofo e cantor baiano, e o segundo dela, comunicadora e facilitadora de processos criativos, autora também do livro “Produção de Cultura no Brasil: Da Tropicália aos Pontos de Cultura”, disponível para acesso gratuito no blog.

“Tropifagia – Comendo o país tropical” será vendido pela EDUFBA em plataformas on-line como a Amazon, no Enecult, nas livrarias da instituição e parceiras, e sob demanda com os autores.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here