Serginho Groisman celebra 20 anos de ‘Altas Horas’.

Nesta quarta-feira, dia 14, faz exatas duas décadas que o ‘Altas Horas’ entrou no ar pela primeira vez Serginho Groisman coleciona entrevistas e conversas ainda fortemente lembradas pelo público de casa e pelos convidados do programa.

A estreia do ‘Altas Horas’ contou com convidados de peso como os cantores Rita Lee e Roberto de Carvalho, Paula Toller, além de Ivete Sangalo, como repórter especial, e a dupla Sandy & Junior, que participaram por vídeo. De lá para cá, nomes importantes de diversos gêneros musicais e áreas de atuação passaram pelo palco do ‘Altas Horas’ que, até hoje, mantém a premissa de misturar ritmos e ideias para todos os gostos.

De fato, é difícil imaginar um artista, ator ou personalidade que não tenha passado pelo palco do programa. Também marcaram presença na atração astros internacionais. Aliás, o programa ainda ficou conhecido por promover duetos especiais, como Elza Soares e Paulo Miklos, Maria Bethânia e Erasmo Carlos, Baby do Brasil e Pitty, Lobão e Jair Rodrigues, Caetano Veloso e Ivete Sangalo.

Para o apresentador e diretor do programa Serginho Groisman, o ‘Altas Horas’ sempre foi um programa com, e não de, auditório, onde a participação ativa do público jovem que se tornou marca registrada das edições. Além disso, desde a sua estreia, incentivar o envolvimento da plateia com os convidados e dar voz aos adolescentes faz parte da essência da atração.

O ‘Altas Horas’ apostou ainda em programas especiais e comemorativos, como as edições realizadas gravadas também fora do estúdio como o Piscinão de Ramos, no Rio de Janeiro, a Concha Acústica do Teatro Castro Alves, em Salvador, o Theatro São Pedro, em Porto Alegre.

Desde o começo deste ano, o ‘Altas Horas’ tratou de promover semanalmente conteúdos inéditos para comemorar os 20 anos do programa. Em março, quando a epidemia do novo Coronavírus ainda não era realidade no Brasil, Serginho inaugurou o palco Milton Nascimento com a presença do próprio cantor na atração. Além disso, também reuniu a formação original da Banda Altas Horas.

Segundo Serginho, é sempre tempo de comemorar e, provavelmente, a celebração dos 20 anos irá se estender para além de 2020. Neste ano, ao contrário dos últimos 19, o ‘Altas Horas’ não realizará uma festa específica para a data.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here