Curta-metragem lançado no dia 20 de novembro pela Netflix, Se algo acontecer… te amo tem apenas doze minutos, mas que são suficientes para fazer o espectador refletir por muito tempo. O filme é uma animação 2D, roteirizada e dirigida por Michael Govier e Will McCormack, e fala, principalmente, sobre o luto.

A escolha estética da animação é completamente pensada para transmitir uma melancolia, um sentimento de solidão e, ao mesmo tempo, nos fazer entrar completamente naquela narrativa, quase como se estivéssemos sendo puxados para ela. O filme não tem interesse em desenvolver um cenário cheio de detalhes como em animações da Disney, ele mais trabalha com os sentimentos envolvidos nos personagens com um estilo simples, minimalista e rabiscado.

O filme fala sobre um casal em crise após a morte da filha, que faleceu em um tiroteio na escola. Além de tudo, ele não só aborda uma tragédia, mas como as pessoas lidam com elas e em como se agarram a pequenas coisas para não se afundar na tristeza. Se algo acontecer… te amo, é um curta que entende os horrores da vida, mas que também coloca em pauta como o ser humano lida com eles.

O filme está na corrida como um forte indicado a melhor curta-metragem no Oscar 2021 e, devido ao seu grande valor narrativo e técnico, podemos estar diante do futuro vencedor da categoria. Tire doze minutos do seu dia para assistir esse filme que, com certeza, você vai sair tocado de alguma forma por ele.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here