Filmes de Natal para todos os gostos!

Na Netflix o que mais tem são filmes de Natal, desde os mais bobinhos e clichês aos mais emocionantes, Klaus é um deles! Por contar a origem do Papai Noel, Klaus é tão incrível em seus elementos, técnicos e simbólicos. Aliás, o filme conta com Rodrigo Santoro na dublagem.

 A plataforma é rainha em produzir filmes de Natal, Uma invenção de Natal é um deles. O filme é aventura musical e um espetáculo visual para ficar marcado por décadas. Uma Invenção de Natal é uma espirituosa e animada novidade para este Natal.

Filmado na gloriosa e vibrante cidade de Cobbleton, o filme acompanha o fabricante de brinquedos Jeronicus Jangle (o vencedor do Academy Awards, Forest Whitaker) cujas invenções fantásticas resultam sempre em peças únicas e grandiosas. Mas quando seu aprendiz de confiança (o vencedor do Emmy, Keegan-Michael Key) rouba sua mais preciosa criação – uma peça velha e esquecida – cabe a sua neta (Madalen Mills), tão brilhante e criativa quanto ele, ajudá-lo a curar velhas feridas e a despertar a magia novamente.

Com trilha sonora original criada por John Legend, Philip Lawrence, Davy Nathan, Usher e Kiana Ledé, Uma Invenção de Natal nos lembra da força da família e do poder das possibilidades.

As produções originais Netflix, Crônicas de Natal e Crônicas de Natal: parte 2 também são uma boa pedida dos filmes de Natal produzidos pela Netflix! Aventura natalina do produtor Chris Columbus (Esqueceram de Mim, Harry Potter e a Pedra Filosofal) e do diretor Clay Kaytis (Angry Birds – O Filme), conta a história dos irmãos Kate (Darby Camp) e Teddy Pierce (Judah Lewis).

Após flagrar o Papai Noel na véspera de Natal, os irmãos Kate e Teddy se escondem em seu trenó e acabam causando um acidente. Agora, eles vão ter que unir forças com o velhinho e seus elfos para salvar o Natal de milhões de crianças.

A Estrela de Belém é uma livre reconstrução da história bíblica. Do mesmo estúdio de Tá Chovendo Hambúrguer e Os Smurfs, A Estrela de Belém é o um lançamento da Sony Pictures Animation, com produção da Affirm Films, estúdio especializado em filmes baseados na fé.

Tecnicamente, animação é muito bem feita, desde o .design a qualidade da imagem à dublagem. A trilha sonora com músicas natalinas repaginadas dá uma nova roupagem a história, além de agradar o espectador.

As produções originais Netflix trazem muitas confusões em A Princesa e a Plebeia e A Princesa e a Plebeia: Nova Aventura. Para quem não lembra, uma confeiteira de Chicago e uma futura princesa decidem trocar de papéis no Natal, por serem praticamente idênticas.

Já na sequencia, quando a duquesa Margaret herda inesperadamente o trono de Montenaro e passa por uma fase difícil com seu namorado Kevin, cabe a sua dupla, a Princesa Stacy de Belgravia, unir os dois amantes novamente. mas o curso do amor verdadeiro se complica com o aparecimento de um belo rei, que tem a intenção de roubar o coração de Margaret. Além de surpreendentemente, a chegada inesperada da prima festeira e uma terceira sósia que tem ambições próprias.

Por fim, ainda seguindo a linha da realeza e com muito clichê, também tem O Príncipe do Natal em dose dupla. São dois filmes bonitinhos, certamente, muito clichê.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here