Copyright Emmanuel Guimier/Netflix

“Lupin” acompanha Assane Diop (Omar Sy), um homem que, 25 anos atrás, viu sua vida virar de cabeça para baixo com a morte de seu pai, então acusado injustamente de um crime. Agora, ele está em busca de vingança e, para isso, se inspira em Arsène Lupin, o famoso “ladrão de casaca” da literatura francesa.

Conhecido como “Robin Hood da Belle Époque”, Lupin se tornou um gênio do crime na Paris do início do século 20 – e Diop vai seguir seus passos nos dias de hoje.

O personagem de Maurice Leblanc criado no início do século XX chegou ao streaming, mas já está no cinema e na TV há muito tempo. Lupin pode não ser um nome tão familiar para o público brasileiro, mas ele é considerado, certamente, o Sherlock Holmes dos franceses.

 Leblanc escreveu “A Detenção de Arsène Lupin”, em 1905.  O ladrão de casaca apareceu sim em produções dos cinemas francês, alemão e inglês, mas também marcou presença em Hollywood e na TV argentina.

Aliás, o que não falta é exemplo no cinema e em séries live-action, mas talvez as obras mais bem-sucedidas foram os livros e, agora, a produção da Netflix. Arsène Lupin é um personagem memorável, cujas façanhas deixam o espectador querendo mais. A Netflix ainda não anunciou a data de estreia da segunda temporada.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here