Vibração
Foto: Gustavo Schlittler

A estação mais quente do ano, a negritude, o amor pelo Rio e o afrofuturismo esses são os fios condutores de “VIBRAÇÃO”, terceiro disco do projeto “LIVE MOTEL”, produzido pelo músico e produtor Fábio Santanna, lançado em meados de novembro para refletir e irradiar o verão de 2021.

Primeiro da série em português, com tons de Cassiano, Marcos Valle, Azymuth, Banda Black Rio e Lincoln Olivetti, o disco mergulha no chamado “brazilian boogie”. Internacionalmente reconhecido, o estilo musical entrega um ambiente solar e alegre, convidando o ouvinte a dançar sob a luz de um lindo pôr-do-sol – mesmo que essa pista fique na sala de casa.

Por isso é que o artista esperou entrarmos no mês de janeiro para apresentar o seu pocket-show de lançamento. Será no dia 21, quinta-feira, às 21h, em seu canal do YouTube, dentro da série “Na Nave Sessions”.

VIBRAÇÃO propõe numa conexão do passado com o futuro, e traz o clima dançante absorvido ao longo dos anos por um jovem negro, do Rio de Janeiro, que vivenciou a era de ouro dos bailes black do subúrbio e da Zona Sul carioca, e que agora reúne e celebra todas essas referências na sua música..

Fábio produziu, gravou e editou todo o show em seu belo “Na Nave Estúdio”, espaço de trabalho, onde produz, grava e cria diversas trilhas sonoras. O repertório da apresentação inclui sete das 14 músicas do álbum, entre elas os singles “Bem de leve”, “As flores vão chegar”e “Febre de Amor”, cujos clipes estão disponíveis no YouTube, além da faixa-título, é claro, que em seu clipe traz a participação do dançarino Neguebites, do Heavy Baile.

“Contei com a colaboração de um trio de músicos de primeira, que traduziram o disco para esse formato de banda. Colocamos o eletrônico e o orgânico a serviço de uma atmosfera brazilian boogie tropical! E ainda fiz uma versão synthpop super especial de ‘Charme do Mundo’, hit da musa Marina Lima. Vem que é baile!”, convida o artista, que estará nos vocais e teclados, acompanhado por Haroldo Eiras (guitarra), Giordano Gasperin (baixo) e Nbeatz (bateria).

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here