Atriz e ativista ambiental, Laila Zaid  empodera as crianças para uma revolução sustentável.

 Hoje, o planeta está enfrentando uma batalha terrível pela sustentabilidade e cada um de nós pode ajudar a salvá-lo. Se você quer ganhar superpoderes e fazer a diferença nesta causa, precisa conhecer o “Manual Para Super-Heróis – O Início da Revolução Sustentável”, lançamento da Editora Melhoramentos, escrito por Laila Zaid, conhecida por seus trabalhos como atriz e ativista ambiental.

“Foi na infância que aprendi o quanto algumas atitudes são nocivas ao planeta e tive o senso de urgência da mudança. Para mim, não foi tão difícil porque cresci cultivando hábitos sustentáveis, mas eu sei que mudar não é fácil. O segredo é ensinar as crianças, dar ferramentas, para que elas saibam o que fazer e como ensinar outras pessoas a fazer também, para serem multiplicadores”, explica Laila, que inicia na literatura convidando a todos para uma revolução sustentável.

A linguagem é o ponto chave do livro, que transmite informações importantes de maneira leve e interativa em meio a ilustrações, curiosidades, divertimentos e uma jornada do herói com 12 missões que têm diferentes níveis de dificuldade. Mais do que ensinar como fazer, o manual explica o porquê de cada assunto abordado e de cada vilão a ser combatido.

As dicas não envolvem apenas as consequências relacionadas ao meio ambiente, mas a nossa natureza como ser humano. Ao indicar o plantio do próprio alimento, por exemplo, aprendemos que é a oportunidade de ter um contato mais próximo com a terra e de acompanhar todo o ciclo de vida desse ser vivo, que irá se desenvolver graças ao cuidado de quem o cultivou. Tem ainda a missão da meditação, uma prática para aumentar o poder do super-herói. Com um passo a passo simples e muito eficiente, a criança aprende a prestar atenção ao que está acontecendo em seu corpo, na sua mente e ao seu redor.

Para garantir que a publicação de seu livro acontecesse de maneira sustentável, Laila fez questão de que fosse produzido sem a embalagem em shrink, um plástico resistente que costuma envolver os livros novos. Além disso, toda a impressão foi feita em folhas de madeira de eucalipto, um plantio de árvores próprio para a produção de papel, respeitando os limites dos ecossistemas. “A mudança começa dentro de nós, mas precisa evoluir para nossas ações do dia a dia. Por isso, empoderar as crianças é a maneira mais eficiente de expandir essa revolução”, afirma.

Com lançamento para 5 de junho, no Dia Mundial do Meio Ambiente, o livro conta com a participação de outros dois super-heróis: Mateus Solano, ator e ativista que fez o texto de apresentação, e a engenheira ambiental Aline Matulja, amiga pessoal de Laila e responsável pela revisão técnica da obra.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here