Ingressos já estão à venda.

Queremos! Festival 2022Mais do que nunca, o público quer música, celebração e encontro. O Queremos! faz jus ao seu nome e atende a esse desejo coletivo com o Queremos! Festival 2022 está com data marcada: será no dia 28 de maio, na Marina da Glória, no Rio de Janeiro.

Esse tão ansiado retorno fica ainda mais especial com o anúncio do line-up do Queremos! Festival 2022 que traz uma celebração à música brasileira, com ATTOOXXA, Céu, Drik Barbosa, Elza Soares + Renegado, Emicida, Gilberto Gil, Majur e Marina Sena. Além disso,  o evento marca a volta triunfante do premiado saxofonista americano Kamasi Washington aos palcos brasileiros, depois de uma turnê antológica no Brasil em 2019.

 O primeiro lote de ingressos do Queremos! Festival 2022 já está à venda no site. Os shows serão intercalados em dois palcos, instalados numa área ainda maior na Marina da Glória. Os portões serão abertos às 15h15. Aliás, como de costume, as horas dedicadas à música serão recheadas de experiências, inclusive gastronômicas. Mais uma vez, a área de alimentação – o Comemos! – será ocupada por cozinhas tipicamente cariocas, voltadas aos mais variados paladares.

Pagodão baiano com uma pitada bem generosa de eletrônico, o ATTOOXXA lançaram “Pra te Machucar”, com Ludmilla e Major Lazer, e “Traseira Cometa”, com Leo Santana. Em 2021, fizeram participação de “Me Gusta”, de Anitta, e lançaram os singles “A Noite Inteira”, com Alice Caymmi, e “Aquele Swing”, com Nêssa. Todos os singles já lançados, como “Faz a Egypsia”, “Pode Invadir”, “Tô Te Querendo”, “Vai Ferver” e “Mete Dança”, estouraram nas plataformas de streaming e nas pistas.

A cantora e compositora brasileira Céu é considerada uma das mais influentes artistas da música brasileira na atualidade. Com seu quinto e mais recente álbum, “APKÁ!”, venceu o Grammy Latino, com o prêmio de Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa. O disco anterior, “Tropix”, já havia lhe garantido dois troféus na mesma premiação.

Elza Soares se junta ao seu afilhado na música, o rapper Renegado, para apresentar o show “Onda Negra”, uma celebração ao orgulho negro que toca em temas urgentes, como a luta antirracista, a violência sofrida pelas mulheres e a homofobia. Os dois artistas mesclam clássicos de carreira com lançamentos recentes. Elza, com 91 anos, mostra ao público os sucessos lançados nos últimos anos, aclamados por público e crítica, de “A Mulher do Fim do Mundo” (2015), “Deus é Mulher” (2018) e “Planeta Fome” (2019) – eleito o Melhor Disco do Ano.

Um dos nomes mais respeitados no rap nacional nos últimos anos, Drik Barbosa mostra sua versatilidade no pop, no R&B, no funk e no pagode. Produzida pelo LAB Fantasma, de Emicida, a cantora lançou seu álbum de estreia em 2019, que contou com parcerias de Gloria Groove, Karol Conka, Emicida, Luedji Luna e Rael. Em 2020, teve a turnê na Europa cancelada por causa da pandemia, mas pôs às mãos na massa. Ela se dedica à produção do projeto multiplataforma NÓS – o mais recente capítulo dessa história é a canção “Calma, respira”, em parceria com Péricles.

Músico premiado, principal referência dessa geração no rap e dono da empresa multissetorial Laboratório Fantasma, Emicida traz o show “AmarElo” ao Queremos! Festival 2022. O álbum de mesmo nome venceu o Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Rock ou Música Alternativa em Língua Portuguesa. O show de estreia, histórico, no Theatro Municipal de São Paulo, foi gravado e compõe o documentário “AmarElo – É Tudo Pra Ontem”, disponível na Netflix.

O cantor baiano estará a menos de um mês de completar 80 anos quando estiver no palco do Queremos! Festival 2022. Superpremiado em escala mundial, tanto na indústria da música quanto na sociedade civil, Gil trará ao palco canções que marcaram os 50 anos de carreira e seus mais de 30 discos. Atualmente, ele está em turnê pela Europa apresentando o show “Gil in concert”, com os filhos Bem Gil e José Gil e com o neto João Gil.

Um dos maiores nomes da nova MPB, Majur apresenta o show de “Ojunifé”, seu primeiro disco de estúdio, lançado em maio de 2021. Com um título que, em iorubá, significa “olhos do amor”, Majur celebra sua individualidade, e conta com participações especiais de Liniker e de Luedji Luna. A artista cantou com Caetano Veloso no programa “Música Boa”, do Multishow, se apresentou nos trios de Daniela Mercury, no carnaval de Salvador e participou do show “AmarElo”, de Emicida. Majur também foi uma das atrações do badalado Baile da Vogue de 2019, e no mesmo ano, se tornou a primeira brasileira a ter uma foto sua postada nas redes sociais da grife italiana Gucci.

A cantora mineira, Marina Sena estampou anúncios do YouTube nas ruas de Nova York e de São Paulo, apresenta o show de seu álbum de estreia, “De primeira”. O disco mistura música pop com sonoridades brasileiras, e canta sobre temas como desejo, romance e paixão. Marina revela talento como compositora e como cantora – dona de um timbre autêntico, impactante, sedutor. Sobretudo na faixa que dá nome ao álbum.

Em sua última passagem pelo Brasil, em março de 2019, o saxofonista americano Kamasi Washington trouxe o show de seu então último disco, “Heaven and Earth”. Com a produção do Queremos!, o embaixador do jazz fez apresentações definitivas no Rio de Janeiro, em São Paulo e em Porto Alegre, que foram ovacionadas pelo público e bastante celebradas pela imprensa e pela crítica.

Em 2021, Kamasi lançou uma versão cover de “My friend of misery”, do Metallica. A gravação faz parte da coletânea “The Blacklist”, que reúne mais de 50 covers e inspirações livres, interpretados por grandes artistas, em homenagem aos 30 anos do “The Black Album”, do grupo de heavy metal americano.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here