Cazuza
Foto: Julia Bandeira

Ícone da música nos anos 80, o irreverente e talentoso Cazuza, responsável por inúmeras canções que fazem parte da memória afetiva do público brasileiro, vai ganhar uma homenagem em formato sinfônico no concerto inédito “Exagerado”. Com direção artística do maestro Eder Paolozzi, regente titular na Nova Orquestra e da Funk Orquestra, músicos do conjunto se unem a jovens músicos integrantes do Programa Vale Música para apresentar versões orquestradas de Cazuza.

Aliás, a turnê estreia no Rio de Janeiro em 05 de abril, um dia após o aniversário do cantor e compositor carioca, que faria 64 anos em 2022. Em seguida o concerto segue para Vitória (dia 06/04), Belo Horizonte (dia 08/04) e termina em Belém (dia 10/04). As vendas abrem no dia 18 de março, com ingressos a preços populares.

“A Nova Orquestra nasceu para ter a cara do Brasil, e nada representa mais o nosso país que a união de várias cidades e o repertório do mestre Cazuza. Não vemos a hora de cair na estrada e entregar essa experiência para o público e músicos!”, comenta Mateus Simões, sócio-diretor da Agência Olga, criadora da Nova Orquestra.

A regência ficará por conta de Renan Cardoso, maestro principal da Orquestra Jovem Vale Música Belém, professor de violino do Instituto Estadual Carlos Gomes e integrante da Camerata FAM e do Quarteto de Belém.

  Serão dezesseis violinos, seis violas, quatro cellos, uma flauta, uma clarineta, duas trompas, dois trompetes, um trombone, uma bateria e um baixo elétrico.

SERVIÇO:
05 de abril
Local: Sala Cecília Meireles (Rua da Lapa, 47 – Centro)
Horário: 20h
Classificação: Livre
Ingressos: vendas abrem no dia 24/03

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here