Marcelo Pio
Foto: Marco Brozzo/Divulgação

Marcelo Pio tem muitos motivos para comemorar! O ator celebra duas décadas de carreira em 2022, cheio de novos trabalhos. Para começar, nNa Record, após participar de “Gênesis”, ele ganha papel na superprodução “Reis”. No streaming, ele voltará para a terceira temporada de “Dom”, no Amazon Prime Video. Além disso, no cinema, ele viverá  seu primeiro vilão em O que é meu é meu, o seu é nosso.

“Nestes pequenos 20 anos de caminhada fui muito abençoado, acolhido, trabalhei com os melhores e, certamente, fui direcionado para o melhor de mim. Sou grato aos personagens que fiz e aos que virão. É uma missão linda poder viver vidas e colorir outras vidas que nos assistem. Sou grato a Deus pelas oportunidades do viver. Que venham mais 20 anos de pura arte e dedicação”, destaca o ator.

O ator que também atua como produtor e diretor já transitou pelos diversos caminhos da arte. Teatro, televisão e cinema fazem parte dos seus 20 anos de carreira. Incluindo longas premiados com Domingos Oliveira, além de do espetáculo digital “#desafiohitchcock” com direção de André Warwar.

Atualmente, Em “Reis”, Marcelo Pio será Tamembér. A oportunidade na trama surgiu após a participação de Marcelo em “Gênesis”. Ele conta, “Filisteu, ferreiro e informante dos nobres Filisteus. Ele tem também uma relação forte com o povo Hebreu e estará envolvido em muitas surpresas da trama”,  sobre o personagem.

A sequência de novelas bíblicas na Record é algo também comemorado pelo ator que aponta as experiências como “potentes” e “gratificantes”. “Estar no elenco desta superprodução é uma grande bênção. Receber a confiança de encarar o Tamember me engrandeceu muito. Personagem com dualidades sutis, conflitos humanos, um grande desafio em que tive que me imprimir com dedicação extra para alcançar as boas alturas deste trabalho. Já é um divisor na minha trajetória. É uma honra estar com este elenco e equipe que já amo como minha família”, conta.

 Sobre a série “Dom”, sucesso da Amazon Prime Vídeo, Marcelo Pio dá vida ao polêmico delegado Barradas, “Barradas é uma potência. É uma honra e um desafio viver personagens complexos. Foi um dos trabalhos que senti o personagem bem vivo comigo e estudei muito. Muito bem escrito como todas as personagens da série”, enaltece o ator.

Em 2022, o ator assume o papel de vilão em O Meu é Meu, o Seu é Nosso. Ele será Carlos, um traficante de pedras preciosas, o ator conta, “Carlos é meu primeiro vilão no cinema. Ele é o mistério problemático do roteiro. Não posso falar muito, porque o roteiro é tão genial de lindo que espero que a gente possa ver logo nas telonas do cinema”.

Sobre o filme, Marcelo destaca, “Fizemos no jeito BOA (Baixo orçamento e amigos), como diria nosso saudoso amigo mentor Domingos Oliveira. Com fotografia de Lucca Pougy e preparação de elenco da amada Bia Oliveira, o filme está espetacular”.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here