Venha me Amar
Paulinha Abelha/ Créditos: Rubens Cerqueira

A triste partida da cantora Paulinha Abelha pegou todos os fãs e colegas de banda de surpresa! A banda, sempre engajada em todos seus projetos, encontrou formas de continuar uma entrega produtiva e hoje lança a música “Venha me amar”.

Surpreendentemente, Paulinha Abelha conseguiu, mesmo sem saber, nos deixar um presente antes de sua precoce partida: a gravação inédita da música “Venha me amar”. Paulinha brincava que essa era a “Nova Babydoll”, música que na sua voz, ganhou os fãs de todo país e foi eleita como um hino pela comunidade LGBTQIA+.

“Venha me amar” foi composta por Marquinhos Seriguela, músico, compositor e amigo de Abelha. Aliás, segundo ele, a música foi feita por conta de um pedido especial da cantora trazendo alguns dos mesmos elementos que fizeram de “Babydoll” um sucesso: o enredo, sensualidade e a batida envolvente.

“Paulinha me procurou a fim de criar uma música que tivesse um estilo parecido com a Babydoll. Fiz a letra e a melodia e enviei pra ela, que gostou de prontidão. Ela se propôs a fazer a gravação guia de imediato!”, lembra o compositor com empolgação e saudade.

Nos shows, o momento de cantar o hino era esperado com entusiasmo pelos fãs. Aliás, alguns destes, tinham o privilégio de serem escolhidos pela cantora pra subir ao palco e lá performavam a música de forma divertida e cheia de charme. Um momento de pura descontração e que marcou a história do Calcinha Preta.

 O dia 25 de março foi escolhido pelo time da banda para lançamento da música como forma de presentear os fãs, principalmente os fãs LGBTQIA+ – que ela carinhosamente chamava de “schnauzers” , uma vez que é nessa data que se celebra o dia Nacional do Orgulho Gay.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here