- Publicidade -

Adriano Mangiavacchi abre exposição na Galeria Patrícia Costa

Publicado em:

O artista italiano Adriano Mangiavacchi apresenta obras recentes e inéditas na exposição “Inserções”, sob a curadoria de Claudia Saldanha. A exposição reúne mais de 18 trabalhos produzidos entre 2018 e 2022. Utilizando o processo de “seripintura” (termo concebido pelo artista que reúne as qualidades da pintura e da serigrafia) , ele produz telas de formatos diversos aglutinadas, como se fossem peças de outdoors, compondo uma única obra (algumas chegam a medir 1,60m x 2,20m).

São inserções casuais, que resgatam paisagens com o colorido de amarelos, laranjas e verdes, presentes na natureza brasileira que Mangiavacchi tanto admira. As cores resultam da mistura de tintas acrílicas, depois numeradas, meticulosamente, para dar origem à sua própria paleta. Em alguns quadros, usa tintas iridescentes, resultando em reflexos metalizados.

A curadora conta, “Adriano apropria-se da paisagem do Rio como alguém que conhece profundamente a cidade. Um observador assíduo, que de tanto testemunhar a vida de seus habitantes e a própria paisagem, acaba por apaixonar-se por seu objeto de desejo”. Já o artista define, “Porque ‘Inserções’? Inserir é incluir! Inclusão de várias partes diferentes para criar uma união harmoniosa. Inserir é entrar, é pertencer, é entregar-se, é mergulhar, é aprofundar. Enfim, In-ser-ção é o ato de “ser” in!”.

Aos sete anos de idade, Adriano Mangiavacchi já reproduzia a textura aveludada das flores com seus lápis de cor. Na década de 70, vem para o Brasil e conhece Luiz Aquila, quando passa a frequentar o seu curso de pintura, em Petrópolis. Em 1980, Adriano assume de fato a vocação pela arte, ingressando no grupo de Paulo Garcez, com quem aprende a disciplina de trabalho, a procura da linguagem, a postura crítica. Retoma seu fascínio pela poesia urbana. Em 1986, véspera de eleições, documentou os restos de propagandas que cobriam os muros da cidade. A dramaticidade e espontaneidade dessas intervenções acabaram por influenciar uma fase marcante de sua carreira, em um momento de grande potencial pictórico. “A cidade é uma fonte de inspiração extraordinária”, afirma.

Serviço
“Inserções” – individual apresenta obras recentes de Adriano Mangiavacchi
Visitação: de 9 de dezembro de 2022 a 21 de janeiro de 2023
Funcionamento: de segunda a sexta, das 11h às 19h; sábados, das 11h às 17h
Local: Galeria Patricia Costa ( Av. Atlântica, 4.240/lojas 224 e 225 – Copacabana )
Telefone: +55 21 2227-6929/98868-1993
Classificação livre
Entrada franca

Rota Cult
Rota Cult
Redação do site E-mail: contato@rotacult.com.br

Mais Notícias

Nossas Redes

2,459FansGostar
216SeguidoresSeguir
125InscritosInscrever
3.870 Seguidores
Seguir
- Publicidade -