Nos tempos de escola Diogo era o cara, mesmo quando metia a turma numa encrenca. Vinte anos se passaram e Diogo, agora é casado e tem um filho pequeno, além de não ser mais o mesmo. As noites de farra e bebedeira parecem tão distantes quanto sua última ida à academia. A festa dos 20 anos de formatura da escola é sua grande chance de dar a volta por cima e resgatar a antiga moral. Mas a noite promete ser muito mais desafiadora e cheia de surpresas do que Diogo e seus amigos podiam esperar.

A proposta do filme é boa, mas mal executada, infelizmente.A começar pela escolha do elenco, Mônica Iozzi é a única que se salva nesse quesito.


Entre algumas poucas boas piadas, o roteiro é fraco e a direção é frouxa, uma pena. Ainda assim “SUPERPAI” atende ao público popular, que está sempre em busca de comédias brasileiras.


DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here