Baseado no livro de Philip Roth, “O último ato” conta a história de Simon Axler,  um famoso ator de teatro que se torna depressivo e adquire tendências suicidas quando, sua carreira começa a degringolar.

Com ótimos diálogos e boas tiradas, o diretor Barry Levinson de “Rain Man” consegue levar as telas a história de um homem completamente dependente de atenção. Cheio grandes conflitos internos, Simon sofre um colapso e tenta sobreviver à sua maneira, o que nos lembra a temática  de “Birdman”. 

A construção dos personagens é bem feita e chama atenção por conta de suas reviravoltas.  Al Pacino está sensacional em cena! Alias, a química do ator com a atriz Greta Gerwig é ótima!

“O último ato” é um filme sobre as nuances da vida. Boa sessão!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here