Festival do Rio deste ano exibe Na Vertical de Alain Guiraudie e A Mulher Que Se Foi de  Lav Diaz

Da seleção oficial de Cannes, “Na Vertical”, de Alain Guiraudie, será exibido no Roxy, em 7 de outubro, às 18h; no Reserva Cultural, em 10 de outubro, às 21h30 e no Cine São Luiz, em 12 de outubro, às 20h. A estreia do filme no circuito comercial está marcada para março de 2017.

Depois de receber o Leão de Ouro na última edição do Festival de Veneza em setembro de 2016, “A Mulher que Se Foi”, 17º longa do filipino Lav Diaz, tem sessões no Cine Odeon, em 13 de outubro, às 19h; no Roxy 3, em 14 de outubro, às 14h e no Reserva Cultural de Niteroi, em 18 de outubro, às 19h. A produção chega aos cinemas brasileiros em abril de 2017.

Na Vertical de Alain Guiraudie (França, 2016, 100 min.)

Leo está à procura de um lobo. Durante uma caminhada no sul da França conhece Marie, uma pastora de espírito livre e dinâmico. Nove meses depois, nasce o filho dos dois. Sofrendo de depressão pós-parto e sem fé em Leo, que vai e vem sem aviso, Marie os abandona. Leo encontra-se sozinho, com um bebê para cuidar. Através de uma série de encontros inesperados e incomuns, o filme apresenta várias camadas subjetivas que nos apresentam a natureza, o sexo, o onírico, a velhice, a morte, a complexidade da vida. Leo vai fazer o que for preciso para se manter de pé.

Festivais e prêmios: Cannes Film Festival (2016).

Sexta-feira, 7/10, 18h, no Roxy 3.

Segunda-feira, 10/10, 21h30, no Reserva Cultural Niteroi 4.

Quarta-feira, 12/10, 20h, no Kinoplex São Luiz 4.

A Mulher Que Se Foi de  Lav Diaz (Filipinas, 2016, 228 min.)

Horácia passou os últimos 30 anos numa penitenciária feminina. Ex-professora de escola primária, ela leva uma vida tranquila ajudando suas companheiras a praticarem a leitura e a escrita. Quando outra detenta confessa ter cometido o crime original, Horácia é libertada e parte em busca de sua família então distante. Enquanto procura pelo filho desaparecido, Junior, Horácia descobre novamente sua terra natal – as Filipinas do final dos anos 1990 –, apenas para concluir que seus habitantes vivem aterrorizados pela corrupção e sequestros desenfreados. Sua personalidade generosa fica contaminada por sentimentos de vingança.

Festivais e prêmios: Festival de Veneza (2016) – Leão de Ouro

Quinta-feira, 13/10, 19h, no Cine Odeon.

Sexta-feira, 14/10, 14h, no Roxy 3.

Terça-feira, 18/10, 19h, no Reserva Cultural Niteroi 2.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here