Após o sucesso estrondoso e global de “La Casa de Papel” — que acabou por inspirar um sem número de fantasias no último carnaval e uma releitura de sua música-tema em ritmo de funk —, a Netflix resolveu seguir investindo pesado em produções latinas, em especial, as espanholas. Assim, a nova integrante do catálogo do serviço de streaming é a série “Fariña”, baseada no livro homônimo não-ficcional de Nacho Carretero, inspirado nos mesmo eventos abordados na série “Narcos”.

O enredo, que se passa nos anos 80, conta a história de Sito Miñanco (Javier Rey), um jovem pescador que se torna um grande traficante de cocaína na região da Galícia, a qual passa a ser o principal portão de entrada da Europa para os cartéis sul-americanos. A trama, a princípio, pode soar familiar, porém é justo dizer que “Fariña” supera “Narcos” em diversos pontos.

Ao longo dos 10 episódios que compõem a primeira temporada, o público acompanha a ascensão de Sito, desde de seu trabalho na pesca ilegal, passando por sua entrada no contrabando, até ele se tornar um dos mais poderosos narcotraficantes da região. Assim, a forma envolvente como a trama é desenvolvida é um dos pontos altos da série, prendendo a atenção do espectador já de início, e este fator ainda é acrescido pela brilhante reconstituição de época, uma trilha sonora afiada e atuações que não devem nada às produções norte-americanas as quais o público está acostumado.

E, para quem precisar de algum tipo de atestado de qualidade, os números estão aí para comprovar: “Fariña”, após a estreia no canal espanhol Antena 3, por meio da Atresmedia Televisión — também responsável por “La Casa de Papel” —, em 28 de fevereiro de 2018, a série foi assistida por 3,4 milhões de pessoas, superando a audiência do hit conterrâneo, e se tornou um sucesso de público e crítica no país. Desta forma, os seriemaníacos que gostam de uma superprodução com ritmo vigoroso, aspecto histórico e um bom valor de entretenimento já têm uma nova série para se viciar.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here