O ano de 2019 promete ser de agenda cheia para a Orquestra Sinfônica Brasileira. Estão previstos 69 concertos, que serão realizados na Sala Cecília Meireles, Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Teatro Riachuelo, Blue Note Rio e municípios do interior de São Paulo e do Maranhão. Na Sala Cecília Meireles serão 23, incluindo as apresentações do Festival Beethoven, que abrem a temporada. Além do ciclo com seis sinfonias do compositor alemão, a OSB também apresentará por lá: A Série OSB na Sala, contando com solistas e maestros convidados pela Sala Cecília Meireles; a Série Famílias da OSB, com três concertos de câmara que celebram as famílias de instrumentos que integram uma orquestra sinfônica (Metais e Percussão, Sopros e Cordas); e os Concertos da Juventude – apresentações de caráter didático a preços populares, nas manhãs de domingo.

O Theatro Municipal do Rio de Janeiro receberá a OSB em 12 datas. Oito concertos fazem parte da Série Mundo, que apresentará riquezas musicais de oito países. Também será um espaço para apresentar obras de compositores brasileiros ou internacionais que foram influenciados ou se inspiraram na música dessas nações. “É uma série em que mostraremos as riquezas que podem ser geradas na confluência de diferentes culturas musicais”, explica Castellar. Já a Série Em Foco contará com quatro programas que pretendem levar ao palco uma celebração da diversidade.

A Série Música de Cinema será apresentada no Teatro Riachuelo e seus quatro programas serão compostos por obras do repertório sinfônico que marcaram presença em filmes emblemáticos e desenhos animados. O palco do antigo Cinema Palácio, no Centro do Rio, abrigará também a Série Pops, que irá apresentar quatro espetáculos de músicas de compositores populares brasileiros em versão sinfônica. Jazz, MPB, rock e choro terão espaço neste ciclo.

A Série Azul, composta por oito apresentações no Blue Note Rio, pretende oferecer ao público uma nova forma de apreciar a música de concerto. Quatro programas serão apresentados durante o brunch, às 12h, e quatro terão apresentação noturna. “Acreditamos que não há limites para desfrutar de boa música. Queremos levar ao público apresentações descontraídas que rompem com formalidades e rituais de apreciação musical introduzidos ao longo dos últimos dois séculos.” – explica o diretor.

SERVIÇO
FESTIVAL BEETHOVEN:
Dias 9, 16 e 22 de fevereiro, às 20h
Dias 10 e 17 de fevereiro, às 11h (Concertos da Juventude)
Local: Sala Cecília Meireles (Rua da Lapa, 47 – Centro – Rio de Janeiro)
Ingressos à venda na bilheteria da Sala e no www.ingressorapido.com.br

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here