Influenciada pelo garage rock e pelo grunge, dentre outros gêneros, a The Mönic lançou o segundo single do seu álbum de estreia “Deus Picio”.  Na novidade, o grupo formado só por garotas, reafirma suas opiniões e reforça sua luta pela igualdade de gêneros.

Com bateria marcante e riffs carregados de distorção, a faixa é cantada por Alê Labelle (guitarra e vocal) e mais uma vez aborda questões sociopolíticas e as relações humanas. “A música veio da revolta contra a sociedade machista em que vivemos, pois enquanto lutamos para conquistar nosso espaço ainda é preciso lidar com pressões e idealizações ligadas ao sexo”, comentou Alê. Em seus versos, “Just Mad” retrata a agonia de uma mulher vivendo em meio às pressões sociais e possui refrão explosivo, no que a artista definiu como um “desabafo geral”.

Formado ainda por Dani Buarque (guitarra e vocal), Daniely Simões (bateria) e Joan Bedin (baixo), a The Mönic se prepara para lançar também um videoclipe da nova canção. “Mexico”, primeiro single álbum, já conta com um vídeo, protagonizado pela própria banda e amigos.

Gravado no estúdio paulistano Aurora, “Just Mad” teve produção das próprias musicistas ao lado de Carlos Eduardo Freitas e Aécio Oliveira. Além disso, Aécio foi responsável pela mixagem e masterização da faixa. O álbum, “Deus Picio”, tem lançamento previsto para junho, sendo ainda precedido por um terceiro single a ser divulgado em maio.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here