Ao empreender e inovar, algumas empresas apostam em um novo perfil de consumidor, cada vez mais ligado à tecnologia, mas disposto a desconectar em certos momentos, e também mais consciente de seu papel no futuro do planeta . Essa mistura entre low e hi tech permeia os 13 episódios da nova temporada do ‘Mundo S/A’, apresentado por Maria Prata, que estreia na segunda-feira, dia 6.

Mapeamento genético e sua eficácia em tratamentos de síndromes, novos nichos de mercado a partir da rejeição do consumidor ao uso do plástico, o robôs humanoides, as casas no futuro e seus eletrodomésticos, iluminação e sistemas de segurança conectados e acessíveis, astrologia digital e comida do futuro são alguns dos assuntos em pauta.

O primeiro programa fala sobre empresas de tecnologia que estão colocando o cidadão no centro da soluções de questões públicas, as chamadas Civic e Gov Techs. Exemplos no Rio Grande do Sul, em São Paulo e na Inglaterra mostram que análise de dados governamentais, consumo colaborativo e mobilidade são áreas de atuação dessas startups.

O ‘Mundo S/A’ é exibido às segundas-feiras, às 23h30.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here