Extremamente talentoso mas muito tímido, o pianista prodígio Reginald Dwight ao longo de sua jornada, se torna Elton John, um homem que teve problemas com drogas, álcool e raiva para assumir sua sexualidade, ao mesmo tempo que se torna uma estrela da música de renome internacional.

Rocketman mostra a vida do músico desde a infância e ressalta a transformação do tímido Reginald Dwight no astro Elton John, a partir  de uma reunião dos Alcoólicos Anônimos. O filme abre a história do cantor contando sua história numa especie de flashback, aos integrantes do grupo. Porém nem sempre o que John diz durante a reunião é o que acontece.

O roteirista Lee Hall e o diretor Dexter Fletcher fazem um musical, no estilo Broadway, repetindo o feito de Bohemian Rapshody (2018).  Se você  está esperando algo exagerado e ousado, como Sir. Elton John, você pode até encontrar no que se trata dos figurinos, porém o filme repete a velha formula das cinebiografias, pontuando fatos cruciais de sua história e não desenvolvendo as nuances de seus personagens. Sim, o filme é sobre Elton John, mas seu enredo precisa de personagens sólidos: a relação com o pai, assim como com a mãe e seu empresário John Reid. Aliás, os atores estão ótimos em cena, inclusive suas caracterizações, principalmente de Bryce Dallas Howard que interpreta a mãe de Reggie Dwight, nome de batismo de Elton.  Quanto à Taron Egerton, ele está incrível! Cheio de camadas  e nuances,  o ator trabalha toda a complexidade que a vida de Elton John tem.

A cinebiografia faz questão de destacar os pontos polêmicos da vida do astro, mas tudo com muita rapidez, sem explorar o drama, o filme parece um musical da Broadway, em todos os quesitos! Cenas que poderiam ter ótimos diálogos, são substituídas por músicas, falta emoção!

O longa, que foi considerado com um alto teor sexual lá fora, não oferece nada que o cinema não tenha mostrado, aliás, não há exageros em cena, apenas o necessário, neste caso. A história conturbada de Elton John, um dos maiores cantores vivos da atualidade, não omite fatos, porém seu roteiro ora fiel, ora frágil, poderia tratar os temas com mais relevância.

Se você está esperando um filme colorido e extravagante, você irá encontrar, a cinebiografia faz questão de glamorizar ainda mais a vida de Sir. Elton John.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here