Considerada um dos pilares da cultura do samba da mais pura linhagem, a Velha Guarda da Portela é responsável por um precioso roteiro de músicas dos compositores mais tradicionais da escola. Já integraram o grupo nomes como Manacéa, Argemiro, Casquinha, Tia Doca, Jair do Cavaco, Mijinha, entre outros bambas. Grandes estrelas da MPB contemporânea também já abraçaram a Velha Guarda em parcerias musicais, como Zeca Pagodinho, Marisa Monte, Diogo Nogueira, Beth Carvalho e Teresa Cristina.

Fundada em 1970 por Paulinho da Viola, a Velha Guarda da Portela completa este ano meio século de história. Entre as primeiras celebrações de 2020 está o show que o grupo faz no Sesc Ginástico, no Centro do Rio, na terça-feira, dia 28. Sobem ao palco, às 19h, Áurea Maria, Surica, Neide Santana, Jane Carla, Monarco, Davi do Pandeiro, Guaracy 7 Cordas, Serginho Procópio, Marquinhos, Timbira e Dinho.

Fonte de inspiração para livros e filmes, o grupo, nesses 50 anos, chegou inclusive a representar o samba brasileiro em eventos no exterior. Entre eles a Europalia, bienal de artes da Bélgica que homenageou o Brasil em 2011. Além de apresentar clássicos do gênero, o grupo promete para o show do Sesc Ginástico seguir firma no seu propósito de meio século: não deixar morrer os sambas despretensiosos e tradicionais, que não tem apelo comercial, mas são a verdadeira essência do samba brasileiro”, afirma Serginho Procópio.

SERVIÇO
Show da Velha Guarda da Portela
Sesc Ginástico: Av. Graça Aranha, 187 – Centro – Rio de Janeiro
Dia 28/01/2020 – 19h
Ingressos: R$30, R$15 (meia entrada) e R$7,50 (Cartão Sesc)*
*Doação de 1 quilo de alimento não perecível garante desconto de 50% de desconto sobre a tarifa correspondente
*sujeito à alteração
Classificação: livre

foto: Milana Andrade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here