A série Música #EmCasaComSesc traz novas apresentações, sempre às 19h, no Instagram Sesc Ao Vivo e no YouTube Sesc São Paulo.

Foto: Marcelo Castello Branco

Abrindo a semana,no dia 31, o Música #EmCasaComSesc recebe o show “Sorriso de Luz”, do pianista e maestro Gilson Peranzzetta. Durante a pandemia, o músico gravou e lançou disco com mesmo nome, o 58º álbum de sua carreira. Nesta apresentação, Peranzzetta apresenta 10 músicas de seu cancioneiro autoral e do novo trabalho, em leituras para piano solo. No repertório estão também clássicos da MPB com arranjos próprios.

Na terça-feira, o sambista Pretinho da Serrinha, na voz e cavaquinho, apresenta as canções do seu disco de estreia, “Som de Madureira”, lançado em 2019, que contou com participações especiais de Maria Rita, Lulu Santos e Velha Guarda da Império Serrano. O trabalho traz 17 faixas que refletem os tesouros, heranças e o passado do músico carioca.

Acompanhado por Leandro Mattos, no violão e voz, e Adilson (Didão), na voz e percussão, o músico interpreta, além das composições autorais, canções como “Tendência”, de Jorge Aragão e Dona Ivone Lara (1922-2018), e “Coisa de Pele”, de Acyr Marques e Jorge Aragão.

Foto: Arnaldo Black

Uma das vozes mais emblemáticas da MPB, Tetê Espíndola se apresenta na quarta-feira (2/9), com os maiores sucessos dos seus 40 anos de trajetória musical. Cantora, compositora e instrumentista, Tetê já ganhou inúmeros prêmios pelo seu trabalho. Entre os destaques de sua carreira está a expedição “Água dos Matos”, que realizou em 2006 na região centro-oeste do país, descendo de chalana os Rios Cuiabá e Paraguai e oferecendo shows e oficinas gratuitas aos povos ribeirinhos.

Na quinta-feira (3/9), o #EmCasaComSesc recebe Xenia França, cantora baiana indicada ao Latin Grammy Awards, que fará uma Live com as músicas de seu primeiro trabalho, “XENIA”, lançado em 2017.

Em show intimista criado especialmente para o período de isolamento, a cantora Marina de la Riva se apresenta da sala da sua casa, na sexta-feira (4/9). Com sua forte característica e identidade herdadas da mistura entre Cuba e Brasil, Marina apresenta canções que são parte de sua carreira e algumas “intuições” da quarentena.

O cantor e compositor Pedro Luís homenageará o grande músico Luiz Melodia (1951 – 2017), com releituras das músicas do álbum “Vale Quanto Pesa ” (2016), no sábado (5/9). O show, em formato solo, traz no repertório canções como “Feto, Poeta do Morro”, “Pérola Negra”, “Fadas”, “Juventude Transviada”, “Cara a Cara” e “Negro Gato”, além de uma colagem dos clássicos “Estácio Eu e Você”, “Pérola Negra” e “Magrelinha”. A apresentação será um passeio de Pedro Luís pelo universo de Melodia, mostrando novos olhares sobre as mesmas canções, acrescentando diferentes cores às pérolas do homenageado.

Por fim, no domingo (6/9), Clemente apresenta sucessos do rock e do punk-rock. Guitarrista, vocalista e compositor, é um dos fundadores da clássica banda de punk-rock paulistana Inocentes, criada em 1981 e, desde 2004, também assumiu um dos vocais e guitarras da Plebe Rude, clássica banda de rock de Brasília (DF). É apresentador dos programas Estúdio Showlivre e Heavy Lero, em parceria com Gastão Moreira, no YouTube. Também apresenta o programa Filhos da Pátria, na Rádio Kiss FM, de São Paulo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here