Em sua sétima edição, o evento joga luz a novas expressões artísticas da música brasileira.

O programa de rádio FARO optou por adaptar a sétima edição do festival FARO para uma versão on-line. Marcado entre os dias 14 e 18 de setembro, o Festival terá como sede o estúdio do LabSonica, laboratório de experimentação sonora do Oi Futuro. É de lá que serão transmitidos os dez shows que compõem a programação. O público poderá acompanhar as apresentações por meio da página do FARO no Facebook e do canal Papo de Música, no YouTube.

O Festival Faro será exibido, das 20h às 22h, simultaneamente, na página do programa no Facebook e no canal Papo de Música no Youtube. Já o programa Faro é transmitido todos os domingos, em 104.5 FM, das 21h às 22h.

Assim como nos anos anteriores, a 7ª edição do evento vai celebrar os encontros musicais ao propor uma diversidade de olhares, vozes, perspectivas e sentidos, sobretudo musical.

Com uma curadoria formada pela direção artística da rádio MOOD FM, pelo diretor da Uhuuu Music Management, João Severo, por Ariane Carvalho e, claro, pela curadora do FARO, Fabiane Pereira, dez artistas que vêm se destacando nos últimos anos na cena musical carioca vão marcar presença na programação do evento: Anderson Primo, Caio Prado, Caru, Luciane Dom, Julia Mestre, Mariana Volker, Marina Íris, Pietá, Troá e Victor Mus. A cada dia de festival, uma dupla de artistas irá se apresentar. Eles ainda farão um número musical juntos.

Segunda, dia 14 de setembro, abrindo o festival, a banda Pietá se apresenta na mesma noite da cantora Marina Íris, que recentemente lançou seu segundo e elogiado disco, “Voz Bandeira”. Na terça, quem se apresenta é a cantora Luciane Dom e o cantor Caio Prado. Já na quarta, dia 16, Victor Mus abre a noite e na sequência a cantora Caru, baiana radicada no Rio de Janeiro. Na quinta é a vez de Anderson Primo apresentar ao público as canções de seu EP de estreia, “Ocê”, Oceano e de Julia Mestre soltar a voz com suas composições que misturam gêneros musicais diversos. Por fim, encerrando o quinto dia de festival, na sexta, dia 18 de setembro, o duo feminino Troá e a cantora Marina Volker se apresentam no palco do evento que já recebeu inúmeros artistas que hoje estão estabelecidos na cena musical contemporânea.

“O programa busca compreender as forças que constituem o atual cenário da música brasileira do Oiapoque ao Chuí. Por conta das limitações causadas pelo coronavírus, este ano, o festival vai amplificar as vozes de artistas cariocas, evitando assim os deslocamentos geográficos”, explica Fabiane Pereira, apresentadora do FARO.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here