Peça não é uma obra biográfica, mas uma homenagem musical.

Nelson Gonçalves
Foto: Dan Coelho

Comemorando dois anos desde a sua estreia no palco do Teatro Clara Nunes, o musical ‘Nelson Gonçalves – O Amor e O Tempo’ celebra o centenário de um dos maiores ídolos da música brasileira. Visto por mais de 20 mil pessoas em diversas temporadas no Rio de Janeiro e em São Paulo, a peça retornará aos palcos cariocas dia 8 de janeiro, mais uma vez no Teatro Clara Nunes, obedecendo a todas as normas de segurança elaboradas pela Organização Mundial da Saúde.

Mais do que nunca, num momento tão delicado para todos, o espetáculo vem resgatar a emoção e as mensagens de esperança e superação presentes na história e no repertório de Nelson Gonçalves e adaptadas para o musical, que tem texto do escritor Gabriel Chalita. São 33 canções interpretadas por Guilherme Logullo e a atriz e cantora Jullie.

 Aliás, a figura humana de Nelson Gonçalves e os seus sentimentos são o fio condutor do musical. Além disso, seus desejos, pensamentos, amores e anseios são retratados no texto de Chalita e nas canções escolhidas para compor a delicada e sensível história. Em ‘Nelson Gonçalves – O Amor e O Tempo’, a linguagem poética se destaca e é utilizada numa narrativa não-linear, totalmente inspirada nas emoções do cantor.

Os dois intérpretes, únicos atores em cena, certamente, trazem à tona os dois lados desse grande ídolo, num diálogo constante entre o amor ou o lado emocional (Logullo) e o tempo ou o lado racional (Jullie).

“Escrevi um texto que, de alguma forma, foge um pouco dos musicais tradicionais. Nelson Gonçalves foi um homem que amou profundamente e que, também por isso, sofreu. ‘Nelson Gonçalves – O Amor e O Tempo’ traça um diálogo entre a razão e a emoção, reforçado pela força e dramaticidade das canções interpretadas por ele. As músicas entrelaçam essas falas o tempo todo, enfatizando essa disputa de sentimentos”, explica Chalita.

Por fim, Guilherme Logullo comenta que a volta do musical vai fazer os fãs do rei do rádio se emocionarem mais uma vez. ” ‘Nelson Gonçalves – O Amor e O Tempo’ não é uma obra biográfica, mas uma homenagem. Foi a forma que encontramos de trazer a essência de Nelson para a cena”, comenta Logullo.

Nelson Gonçalves vendeu mais de 80 milhões de discos em sua longa carreira.

SERVIÇO:
‘Nelson Gonçalves – O Amor e O Tempo’
Temporada: De 8 a 30 de janeiro de 2021.
Horários: de quinta a sábado, às 20h. Domingo, às 19h.
Local: Teatro Clara Nunes
Endereço: Shopping da Gávea – Rua Marquês de São Vicente, 52, Gávea.
Bilheteria online: www.tudus.com.br

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here