Um clássico que influenciou a literatura de diversas formas, o Livro “das mil e uma noites” apresentou ao ocidente histórias que se tornaram parte do imaginário popular como Aladim e Ali Babá. Agora, a Biblioteca Azul, a primeira editora a publicar a tradução para o português da obra direto do árabe, lança o quinto volume do clássico, inédito em português, com a tradução premiada de Mamede Mustafa Jarouche e projeto gráfico especial.

Neste volume, o público terá a chance de ler aventuras que reverberam em histórias posteriores da literatura universal, como o Decamerão, Dom Quixote, Gulliver e muito do que há no romance moderno. Aliás, a obra possui descrições de cenas aventurescas que se aproximam da narrativa de fantasia e é também uma homenagem à mulher e a valorização de sua inteligência. Além disso, sua heroína, a narradora Sherazade, é um símbolo da infinita capacidade feminina de contornar situações críticas e de salvar o mundo da ruína.

As histórias do Livro “das mil e uma noites – Volume 5” contam a saga do sultão Umar Annuman, em um grandioso épico que pode ser lido do início ao fim como uma história completa.

As histórias das noites desconhecem as classificações familiares às letras ocidentais, e resultam em uma narrativa que surpreende as expectativas o tempo todo. Partindo do cotejo dos manuscritos mais antigos em que constam essas histórias, Mamede Jarouche recria uma fabulação literária grandiosa, dando voz em português a um monumento da literatura universal. Ao fazer isso com rigor, posiciona este trabalho como um dos grandes feitos da tradução em nosso tempo.

A obra traz ainda notas do tradutor sobre o cotejo de diferentes edições, questões linguísticas e informações que contextualizam a cultura árabe. Vencedor dos prêmios APCA, Paulo Rónai e Jabuti de melhor tradução, o Livro das mil e uma noites é uma obra fascinante e uma lição sobre o poder das narrativas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here