Em meio a um cenário de retrocessos e desmonte de diversas políticas públicas e culturais no país, a 5ª edição do Festival Demarcação Já Remix segue inovando e trazendo visibilidade às questões indígena e ambiental.

O projeto liderado pelo DJ MAM será realizado nos dias 6, 8 e 9 de agosto, quando celebra-se o Dia Internacional dos Povos Indígenas, e será solidário aos Guaranis do Rio de Janeiro. Aliás, o Festival Demarcação Já Remix é uma extensão da campanha “Demarcação Já”, criada pelo Greenpeace e pelo Instituto Socioambiental, em 2017, a partir da canção de mesmo nome dos compositores Carlos Rennó e Chico César, que ganhou clipe com grandes nomes da MPB.

O evento contará com lançamento de single e da mixtape “Demarcação Jazz”; com a primeira exibição em TV da live ‘Demarcação Já Remix’, anteriormente veiculada no Youtube do cantor Gilberto Gil; com o leilão inédito de NFTs com o Tininim, personagem indígena do cartunista Ziraldo, reinterpretado pelos artistas Luke Ross, ilustrador do ‘Star Wars’, e o indígena Kadu Xukuru; com debates no Instagram, reunindo nomes como as atrizes e ativistas Letícia Sabatella e Zahy Guajajara, entre outros.

“A relação do Ziraldo com a cultura popular, com a música brasileira, com a educação ambiental e o seu fascínio pelo espaço foram as bases para que eu lhe fizesse esse convite homenagem e unisse o mestre dos quadrinhos às maiores vozes do Brasil, em prol dos povos indígenas. Seu personagem Tininim é o ancestral de meu personagem indígena jedi! Essa relação está sendo eternizada pela releitura do artista Luke Ross, ilustrador do “Star Wars” e da DC Comics, Luke assinará uma das capas e será destaque na coleção de NFTs, conta DJ MAM.

O lançamento do single “Três Quartos do Mundo” marca a abertura do projeto, no dia 6 de agosto. A música, de DJ MAM e Rodrigo Sha, foi composta há 10 anos quando o produtor japonês Makoto Kubota encomendou o “acalanto eletrônico” em solidariedade às vítimas da Tsunami, dias após o duo compor o tema oficial da cidade do Rio. A trilha traz a participação do percussionista Marcos Suzano e da cantora Juju Gomes.

A mixtape ‘Demarcação Jazz’, que inclui “Três Quartos do Mundo” e mais duas músicas, chega às plataformas em 9 de agosto, Dia Internacional dos Povos Indígenas. Assinada pelo Jazz Botânico, a Mixtape reúne 30 artistas e coloca foco nos Guaranis do Rio de Janeiro.

Recém desencarnado aos 121 anos, filho de mãe indígena com um japonês, o cacique Miguel Benitez evoca a mensagem de abertura do álbum, numa conexão cultural e ancestral entre as sedes olímpicas. A Mixtape conta também com “Deixa o índio lá”, que reúne o coro de mais de 20 artistas da MPB na recriação de “Demarcação Já”, canção de Chico César e Carlos Rennó. A música traz o canto ancestral do Coral Guarani Tenonderã, “Pejukatu Xondaro’i”. Beneficiário do lançamento, o Coral também participa de “Do Guarani ao Guaraná”, que encerra a mixtape, junto aos mestres Gilberto Gil e Lenine.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here