Foto: Romulo Amorim

O Observatório de Favelas, através do Programa Educativo do Galpão Bela Maré, lança  a exposição de artes urbanas “Reencantando as Ruas”. Aliás, a exposição é resultado do Projeto Vou Fazer Arte, uma formação em artes visuais gratuita oferecida a jovens do Conjunto de Favelas da Maré.

Durante três meses, 14 jovens foram incentivados a refletir sobre o território em que vivem, a partir do que ele oferece, como as histórias, as pessoas, as artes e as ruas. Ao longo da formação foram realizados encontros de conversas, oficinas práticas e visitas a espaços culturais na cidade do Rio de Janeiro. A partir dessas vivências os jovens construíram coletivamente cinco obras, que serão expostas pelas ruas da Maré.

De acordo com Anna Luísa Oliveira, coordenadora do Programa Educativo do Galpão Bela Maré, durante o período de formação, os adolescentes participantes do “Projeto Vou Fazer Arte” puderam conhecer as técnicas artísticas e experimentar caminhos possíveis para a prática das artes visuais a partir dos seus cotidianos.

Anna Luisa conta que nesta edição, a rua é o ateliê e o corpo, o processo. “São cinco intervenções urbanas com diversas linguagens e suportes que revelam a investigação da memória, onde o encontro com a temporalidade e a ancestralidade apresenta uma perspectiva de futuro onde a favela é arte”.

Além disso, a iniciativa propôs reflexões a respeito das estéticas urbanas, das memórias, das imagens em movimento e do tempo, em que a experiência no espaço comum, que é a rua, foi protagonista.

A exposição “Reencantando” as Ruas  fica disponível para visitação até o dia 14 de junho.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here