Carlos MaltaAclamado grupo carioca, fundado em 1994, pelo genial músico dos sopros Carlos Malta, e que há quase três décadas se mantém ativo como um dos mais importantes e longevos projetos da música brasileira instrumental, apresenta show em homenagem a Gilberto Gil  no Teatro Prudential

Formado por músicos artistas excepcionais, Carlos Malta, Andrea Ernest Dias, Marcos Suzano, Durval Pereira e Bernardo Aguiar, com seu som único, brasileiro legítimo, o Pife Muderno une elementos da tradição a linguagens contemporâneas, com referências históricas que são o elo entre a música de câmara e indígena, o Jazz e a MPB. Com raízes na cultura do pífano nordestino, tem uma formação minimalista e ritmicamente genial, com dois flautistas e agora três percussionistas.

O show, com 90 minutos de duração, contempla o repertório dos quatro álbuns de “Carlos Malta e Pife Muderno em GIL”, em formato de Suítes, que serão lançados entre junho e setembro de 2022 pela Deck. Aliás, o álbum é uma co-produção Carlos Malta Produções Artísticas e Gege Produções Artísticas. Gravado no Estúdio Palco, de Gil, em outubro de 2021 e março de 2022 .

2022 é, certamente, um ano muito especial para o inigualável Gilberto Gil, em seus 80 anos de vida! Em 2022, se comemora também 50 anos de lançamento do álbum “EXPRESSO 2222”, divisor de águas na MPB que influenciou a obra de Malta. Para homenagear o ilustre aniversariante e celebrar datas tão significativas da sua trajetória, o grupo Carlos Malta e Pife Muderno lança esta obra baseada na discografia de Gilberto Gil de todos os tempos.

Malta, que tocou com Gil por alguns anos (2000 a 2004), e ambos possuem uma grande admiração mútua, mergulhou na discografia do mestre para fazer a “pescaria” ou curadoria, a direção musical e os arranjos desse trabalho que marca o lançamento de uma obra inédita e histórica do Pife Muderno.

Aliás, o  trabalho tem o apoio e a participação especialíssima do próprio Gil que eternizou sua presença em 08 faixas do disco e também em um material audiovisual exclusivo a ser transmitido ao longo do show e na divulgação do projeto. Além disso, o álbum conta com a presença do grande baterista Oscar Bolão que, infelizmente, partiu em fevereiro de 2022, deixando gravado este o último registro musical de sua vida e com o Pife Muderno a “sua família”, como ele dizia. Por ser o Bolão insustituível, o grupo decidiu seguir em frente com a formação de cinco músicos e trazendo ao show, alguns sons originais do Bolão sampleados.

A obra traz também uma música inédita, Xamã Xapiri – Dança de apresentação – composta por Malta e Gil num improviso único, inspirado nos povos originários, que evoca a ancestralidade e a força da natureza.

Yamandú Costa gravou uma participação especial, numa canção composta por Gil em homenagem a este genial violonista, que é antigo parceiro de som e amigo do grupo.

 O registro visual para projeção no show foi feito pela artista visual Louise Botkay, formada em cinema na França pela École Nationale Supérieure des Métiers de l’Image et du Son, La Fémis, em 2006, hoje com vários trabalhos selecionados e premiados em festivais e exposições.

SERVIÇO:
Carlos Malta e Pife Muderno em Gil 80! 200 anos antes do Expresso 2222
Teatro Prudential (Rua do Russel, 804 – Glória_
Data: 30 de julho
Horários: 20h
Ingressos pela Sympla
Classificação:14 anos
Duração: 90 minutos

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here