Destaque da programação do Dolores Club desta semana, o duo português Fado Bicha rompeu os limites da cena queer de Lisboa desde que subverteram o fado e incorporaram guitarras distorcidas, efeitos eletrônicos e boas doses de humor, deboche e ativismo político ao gênero musical mais tradicional de Portugal.

Dolores Club
Foto: Daryan Dornelles

O show no dia 13 de julho, às 21h, faz parte da turnê internacional de “Ocupação”, o primeiro álbum da dupla, recém lançado no Brasil. O grupo é composto pela cantora Lila Fadista e pela guitarrista e compositora João Caçador, que se identificam artisticamente como bichas e se intitulam no feminino. Aliás, após temporada no país, seguem para Nova York, onde fazem abertura do show de Ney Matogrosso no festival SummerStage, no Central Park, em 17 de julho.

O repertório de “Ocupação” inclui a releitura de um grande sucesso de Amália Rodrigues,  considerada uma das maiores fadistas portuguesas. Trata-se de “Nem às paredes confesso”.

Já no dia 14 de Julho, Izabella Bicalho convida Áurea Martins para um show em homenagem a grandes cantoras da MPB. O repertório inclui sucessos de Dalva de Oliveira, Dolores Duran , Aracy de Almeida, Elis Regina, entre muitos outros.

No palco do Dolores Club, a cantora estará acompanhada de Luiz Carlos Alcofra (violinista), Pedro Aune (baixo) e Rodrigo Scofield (bateria).

Já no dia 21 de julho, o compositor Osmar Milito, referência no piano do Jazz e da Bossa Nova sone no palco do Dolores Club, ao lado de Alex Rocha (contrabaixo) e André Fróes (bateria). Parceiros de longa data, mais uma vez eles reúnem seus talentos para apresentar standards dos dois estilos musicais. O trio convida o lendário gaitista Maurício Einhorn para brindar o público com suas costumeiras e brilhantes improvisações.

Por fim, o mês de julho se encerra com 28 de julho o pianista, compositor e arranjador Adaury Mothé que celebra 30 anos de carreira com o lançamento do seu segundo álbum solo, “Mestres do Samba Jazz”, gravado ao vivo em estúdio. O trabalho presta uma homenagem a alguns dos principais pianistas do gênero, surgido no início dos anos 60, logo após a Bossa Nova, e que conquistou o público tanto no Brasil quanto no exterior.

Dom Salvador, Haroldo Mauro Jr., Luiz Eça, Tânia Maria, Tenório Jr. e Walter Wanderley são os homenageados nas seis faixas que compõem o álbum. Adaury Mothé se apresentará no Dolores Club junto com André Vasconcellos (baixo acústico) e Vitor Vieira (bateria). A cantora Luana Mallet e os músicos José Arimatéa (trompete) e Zé Carlos “Bigorna” (sax) farão participações especiais.

Os ingressos para todos os shows são vendidos pela https://lets.events/ .

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here