2017 já está acabando, mas, sem dúvida alguma, o maior espetáculo do ano estreia hoje no Rio de Janeiro. É o maior e mais famoso circo do mundo: Cirque Du Soleil, com sua mais nova criação, Amaluna, um espetáculo sobre o empoderamento da mulher e, com certeza, uma grande e belíssima homenagem à elas. Com um elenco formado por 46 artistas multifacetados, mais por mulheres do que por homens (um momento épico na história do Cirque), o show, (sim, é um show!) agrada a todos os públicos.

Dessa vez, quem assume o papel do bobo da corte é um casal muito atrapalhado e completamente carismático. A dupla foge do ideal romântico, assim como o casal protagonista.

Em uma ilha governada por deusas e guiada pelos ciclos da Lua é o cenário onde se passa Amaluna. O espetáculo apresenta referencias às obras de Shakepeare como Romeu e Julieta, desvendando profundamente a alma feminina, desde a vulnerabilidade, a força, a coragem e o amor.

Amaluna é a união das palavras ‘ama’ (referência à mãe) e ‘luna’ (lua).  A lua simboliza a feminilidade assim como na Wicca, (Sim, estou falando da religião formada só por mulheres, que foram consideradas bruxas no período da inquisição), alias a lua, de todos os elementos da natureza, é quem mais representa a mulher, suas fases traduzem nossas facetas.

Enfim, voltemos ao espetáculo e a exaltação da mulher, por que é isso que Amaluna faz, exalta a gente, exaltam nossas peculiaridades, nossa versatilidade, nosso amor, e que amor pelo que nós somos. E a música, formada por guitarras eletrizantes e vozes super poderosas, exalta ainda mais a força da mulher. Viva Amaluna!

 

Serviço:
Cirque de Soleil – Amaluna
Local: Parque Olímpico (Av. Embaixador Abelardo Bueno , Rio de Janeiro)
Data: 28 de Dezembro de 2017 a 17 de Janeiro de 2018
Ingressos: www.tudus.com.br 

Confira galeria de fotos:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here