Você até pode não ser noveleiro de carteirinha, mas certamente conhece o enredo de “Vale Tudo”, grande sucesso de Gilberto Braga com Aguinaldo Silva e Leonor Bassères, exibida em 1988, na Globo. Uma novela de grandes personagens, como Odete Roitman e Maria de Fátima e uma história ainda tão atual, mesmo 30 anos depois, de um Brasil afundado na corrupção e na falta de ética.

A partir de 18 de junho, o VIVA traz de volta a novela que parou o país com a emblemática cena do assassinato da vilã, vivida por Beatriz Segall, e que deixou no ar a dúvida, até o capítulo final: “Quem matou Odete Roitman?”. “Vale Tudo” foi uma das primeiras novelas exibidas na estreia do VIVA, em 2010, e volta ao canal na faixa das 15h30, de segunda a sexta e no horário alternativo, à 0h30.

Raquel Accioli (Regina Duarte) e Maria de Fátima (Glória Pires), mãe e filha, não podiam ser mais diferentes. Enquanto a primeira é a integridade em pessoa, a jovem, capaz de qualquer coisa para vencer na vida, não esconde seu horror pela pobreza e seu desprezo pela mãe. Depois de vender a única propriedade da família, no Paraná, ela foge com todo o dinheiro para o Rio de Janeiro, onde sonha se tornar modelo. Raquel vai atrás da filha e conhece Ivan (Antonio Fagundes), por quem logo se apaixona.

Enquanto Raquel vende sanduíche natural na praia para ganhar a vida, Maria de Fátima se junta ao mau-caráter César (Carlos Alberto Riccelli). De olho na fortuna da família Roitman, Fátima seduz Afonso (Cássio Gabus Mendes), namorado de Solange (Lídia Brondi), uma jornalista que a acolheu quando ela chegou ao Rio.

Trinta anos depois, Odete Roitman ainda é conhecida como uma das maiores vilãs da teledramaturgia brasileira. Dona de frases ácidas e um repúdio à pobreza e às mazelas do Brasil, a personagem é um grande sucesso da carreira da atriz Beatriz Segall. Sem escrúpulos, Odete abusa de sua posição para humilhar as pessoas e conseguir tudo o que deseja. Aliada de Maria Fátima, as duas separam Ivan e Raquel, para que ele se case com Heleninha. Como parte dessa aliança, Odete promete ajudar Maria de Fátima a ficar com Afonso.

  Além da revelação de quem matou Odete Roitman, o final de Vale Tudo foi surpreendente, mostrando a impunidade dos personagens de má índole, como César e Marco Aurélio (Reginaldo Faria). Este último, braço direito de Odete, acaba fugindo do país com Leila (Cássia Kiss Magro) – a assassina – depois de aplicar um golpe financeiro. É dele a emblemática cena, dentro do avião, dando uma banana para o Brasil.

“Vale Tudo! Teve direção-geral de Dennis Carvalho e direção de Ricardo Waddington e Paulo Ubiratan. No elenco, além dos já citados, nomes como Lilia Cabral, Pedro Paulo Rangel, Cláudio Corrêa e Castro, Stepan Nercessian, Marcelo Novaes, Nathalia Timberg, Marcos Palmeira entre outros.

Estreia: 18 de junho
Horário principal: segunda a sábado, às 15h30
Horário alternativo: segunda a sábado, à 0h30

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here