O sucesso de A Barraca do Beijo ganha o mundo.

Depois do enorme sucesso de A Barraca do Beijo, Jacob Elordi e Joey King se tornaram dois jovens promissores de Hollywood; colocando Joey, inclusive, como indicada a várias premiações por sua performance em The Act, da Hulu, principal concorrente da Netflix nos Estados Unidos, enquanto Jacob estrelou um dos novos carros-chefes da HBO, a consagrada “Euphoria”.

Assim, a Netflix resolveu apostar numa sequência de do primeiro filme, com o casal queridinho do momento. Aliás, além do segundo filme, o streaming também já confirmou um terceiro, que inclusive já foi gravado, mas ainda não tem previsão de sair no catálogo.

Nessa segunda história, vemos Noah e Elle tendo que lidar com o relacionamento a distância e todo o ciúmes e desconfianças que isso pode causar. Noah, que agora é universitário, começa a fazer novas amizades na faculdade. Enquanto Elle, acaba se aproximando de um novo aluno em seu colégio, Marco, que ajuda ela numa competição de dança. Conforme as brigas no casal principal vão acontecendo, cada um começa a repensar sobre o relacionamento e sobre o futuro que eles vão ter, isso é, se tiverem um.

Quando o trailer de A Barraca do beijo 2 saiu, muito foi questionado sobre como o filme iria linkar tanto drama em uma narrativa. Por um lado, o relacionamento amoroso, por outro, Elle tendo que decidir se ainda vai fazer a faculdade com Lee, seu melhor amigo, ou se quer ir estudar perto de Noah, e ainda colocando um terceiro e quarto fator: o campeonato de dança e o ciúmes da nova namorada de Lee.

Apesar das inúmeras abordagens do filme e de trabalhar elas de forma um pouco rasa, a qualidade e o propósito da obra não se perdem. A barraca do Beijo se propõe a ser a comédia romântica “farofa” que a Netflix aposta, e o filme entrega totalmente esse conceito. Com direito a número musical, cenas românticas, briga dos meninos pela mocinha principal, e mais várias fórmulas que um roteiro clichê consegue apresentar.

Apesar disso e talvez por causa disso, o filme se torna divertido, engraçado e um passatempo perfeito pra quem quer esquecer um pouco as dificuldades e o terror da vida cotidiana. Mais uma vez, a Netflix resolve arriscar com uma continuação, mas dessa vez acaba acertando exatamente onde deve: no coração dos fãs.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here