“DOCE 22”  conta com uma parceria com Lulu Santos.Luísa Sonza lançou, enfim, seu tão aguardado segundo álbum de carreira, “Doce 22”. O projeto, que vem sendo elaborado há cerca de um ano, já está disponível em todas as plataformas de streaming. Aliás, além do lançamento do álbum, Luísa também divulgou  os clipes de “VIP *-*” e “Melhor Sozinha :-)-:” , , ambas disponíveis no canal oficial da cantora no YouTube, a partir das 23h55.

2020 foi um ano marcante para Luísa, do qual ela se lembrará muito, a cantora embarcou em um mergulho interno e extremamente pessoal, que resultou em “DOCE 22”, que é lançado no mesmo dia do aniversário da artista, hoje (18 de julho). Aliás, “DOCE 22” é, antes de tudo, um presente da artista para si mesma e para seus fãs, uma forma de expor artisticamente os sentimentos de Luísa diante de tudo o que viveu.

“DOCE 22” marca um novo momento na trajetória de Luísa Sonza, um lugar de liberdade acima de tudo, de poder expressar o que ela quer, da forma que quiser. O envolvimento de Sonza no novo projeto foi, de fato, total. Além de ser compositora de todas as músicas, ela ainda faz sua estreia como produtora musical do álbum, em parceria com Doug Moda, e assina o roteiro e a direção criativa e codireção de dois clipes de “VIP *-*” e “Melhor Sozinha :-)-:”.

  Luísa aproveitou para conceber a estética visual do projeto com um mergulho nos anos 2000, trazendo sua própria versão de um período marcado por divas Pop, como Britney Spears e Christina Aguilera. É dessa década também a inspiração para o nome do álbum, uma alusão ao ‘Sweet 16’, celebração que marca o início da maturidade na vida de uma menina em alguns países, e, também, ao ‘My Super Sweet 16’, reality show da MTV, que durante mais de 10 anos fez das vidas de jovens meninas um espetáculo aos olhos dos telespectadores.

Douglas Moda, produtor e diretor musical do projeto, conta, “Entrei de gaiato, na brincadeira, era 21 de julho de 2020, dia do meu aniversário, Luísa me ligou e falou ‘Vem pra minha casa? Estou começando o processo do meu disco’. Desde então, tudo mudou! Entrei tão de cabeça nesse projeto que em três meses virei produtor e diretor musical do ‘Doce 22’. Isso para mim, sem dúvidas, é um upgrade na minha carreira e na vida!”.

ele completa, “Foi extremamente desafiador para a gente, e viver isso de dentro trouxe muitas ideias para as músicas do ‘Doce 22’. Foi um processo muito intenso e, assim como o disco, cheio de sentimentos. Estou muito feliz e ansioso para o lançamento”, disse Douglas Moda.

Composto por 14 faixas em diversos estilos musicais, “DOCE 22” pode ser dividido em dois lados, como duas faces de uma mesma moeda, e isso é feito de duas formas no álbum: com uma faixa, “INTERlude :(“, e na grafia dos títulos das canções. O lado A, mais dançante e animado, investe na ousadia, sensualidade, coragem e traz seis músicas, com títulos em letras maiúsculas e a certeza de fazer todo mundo dançar, algo que já é marca registrada de Luísa.

O álbum conta com “INTERE$$EIRA”, “2000 s2” e “CAFÉ DA MANHà ;P”, primeira parceria dela com Ludmilla, além de “MODO TURBO”, parceria com Anitta e Pabllo Vittar. Além disso, a primeira parte de “DOCE 22” acrescenta ainda dois feats , “VIP *-*”, com o rapper americano 6lack, e “ANACONDA *o* ˜˜˜”, parceria com Mariah Angeliq, americana que é uma das recentes revelações do reggaeton e trap latino.

O Lado B de “DOCE 22”, mais sensível e melódico, mostra uma face mais vulnerável e intimista, ressaltado nos títulos redigidos com letras em minúsculo, traz também “penhasco.” + uma parceria com o cantor Jão, na faixa “fugitivos :)”, além de “melhor sozinha :-)-:” e “caos/flor ***”.

A relação de afeto e parceria com o pai também inspirou uma das canções. Na faixa “o conto dos dois mundos (hipocrisia)”, a cantora abre o coração para Cezar Luíz, demonstrando ter saudade da vida calma e simples que levava no interior do Rio Grande do Sul antes do sucesso estourar, ao mesmo tempo em que revela um certo desajuste em relação ao seu lugar no mundo, uma espécie de ausência de pertencimento, já que Luísa não mais se encaixa naquela realidade do passado nem na que vivencia atualmente na “cidade grande”.

“DOCE 22” ainda conta com uma parceria com Lulu Santos, grande inspiração para Luísa, em “também não sei de nada :D”, faixa que encerra o álbum. Aliás, alguns detalhes presentes na música, inclusive a gaita, foram sugestão dele.

Apesar de estarem indicadas na tracklist de “DOCE 22”, as parcerias com Ludmilla, Jão e 6lack nas faixas “CAFÉ DA MANHà ;P”, “fugitivos :)” e “ANACONDA *o* ˜˜˜”, respectivamente, não estarão disponíveis neste primeiro momento, sendo lançadas posteriormente.

Em ação inédita no Brasil, Luísa Sonza irá disponibilizar o “Enhanced Álbum DOCE 22”, que estará exclusivo, a partir do dia 18 de julho, no Spotify.  Em “DOCE 22 Enhanced Album” , os fãs terão acesso exclusivo a histórias (comentários pessoais escritos em 14 faixas do álbum), audioliners (interlúdios de áudio imersivos) e canvas (loops de vídeo verticais de 8 segundos em cada faixa).

 

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here