Arte da PalavraA partir deste mês, a literatura volta ganhar espaço no país em suas diversas formas de apresentação, retomando o formato presencial em grande parte do projeto, aliás, só as oficinas se manterão on-line para atingir um público o mais amplo possível.

Promovido pelo Sesc, a sexta edição do “Arte da Palavra” contará com 138 artistas, entre prosadores, poetas, contadores de histórias e outros artistas da palavra. Até dezembro, o projeto será realizado em 111 cidades, de quase todos os estados brasileiros, com uma programação que inclui encontros com autores, oficinas de criação e apresentações artísticas, sempre buscando evidenciar a produção literária nacional.

“A novidade é que os Circuitos de Autores e de Oralidades voltarão a ser presenciais. Já as oficinas de Criação Literária serão quase todas em formato on-line, visto que essa foi uma experiência positiva aplicada durante a pandemia, possibilitando o acesso a distância. Nesta edição, também aumentamos o número de artistas e cidades participantes”, explica Henrique Rodrigues, analista de literatura do Departamento Nacional do Sesc.

A fim de promover o intercâmbio de artistas e o incentivo à leitura, o projeto contempla diferentes fazer e pensar a literatura no Brasil. Além disso, estão entre os propósitos do “Arte da Palavra”, a formação e a divulgação de novos autores, a valorização das diversas formas de produção e a fruição literária, viabilizados pela emergência de discursos periféricos e a utilização de novas tecnologias.

O projeto é composto por três circuitos: Autores, Criação Literária e Oralidades. O primeiro reúne escritores para troca de experiências e ideias com o público sobre temas referentes às suas obras. O circuito de Oralidades tem como foco expressões verbais da palavra, como contação de histórias, saraus, performances, slams, repentes, entre outras atividades. Já a Criação Literária oferece oficinas com variados temas, como incentivo à prática do exercício das manifestações artísticas.

Lançado em 2017, o Arte da Palavra conta com uma curadoria coletiva, realizada por especialistas do Sesc de todo o país, que selecionam os escritores de Norte a Sul para participarem do circuito. No ano passado, quando todo o projeto foi todo em formato on-line, cerca de 60 mil pessoas participaram das atividades. Saiba mais em sesc.com.br !

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here