A Cia de Teatro Os Ciclomáticos comemoran 25 anos de uma ascendente trajetória artística e cultural, com uma Mostra de Repertório. São quatro espetáculos da companhia, apresentados gratuitamente no Espaço das Artes – Os Ciclomáticos, no Centro do Rio.

A mostra irá acontecer de 04 a 13 de maio de 2002, com espetáculos direcionados a todas as faixas etárias.

Serviço
“Minha Alma é Nada Depois Dessa História”
4 de maio às 19h30
Classificação 14 anos / Duração 40 minutos.
Sinopse: romance musical que utiliza elementos da dança flamenca na movimentação dos atores em cena. Direção e autoria Ribamar Ribeiro e no elenco Os Ciclomáticos Cia de Teatro.

“A Farra do Boi Bumbá”
6 de maio  às 19h30
Classificação Livre
Sinopse: Musical brasileiro que além da história do boi, traz pequenos contos do folclorista Câmara Cascudo.
A história se desenvolve em torno de um rico fazendeiro que tem um boi muito bonito. Pai Chico, trabalhador da fazenda, para satisfazer a sua mulher Catirina, que está grávida e sente desejo de comer a língua do boi. O Pai Chico traz a língua do boi e a confusão está formada.

“Antes que o galo cante”
11 de maio– quarta-feira – 19h30
Classificação Livre
Sinopse:  O texto é uma fábula sobre o amor quase impossível entre uma gata e um sabiá , abordando de maneira leve e divertida as dificuldades encontradas pelas diferenças.
Entre árvores seculares e prados floridos, animais de patas e animais de asas não se misturam, até que o Sabiá Laranjeira Junior apaixona-se pela Gata Malhada do Mato, criando divergência entre os animais da floresta que não aprovam o romance. Para viver este amor, os apaixonados terão que enfrentar todas as dificuldades impostas pelas duas famílias.

“Ariano – O Cavaleiro Sertanejo”
13 de maio – sexta-feira – 19h30
Classificação 12 anos
Sinopse: com trilha musical toda cantada ao vivo pelos seis atores-cantoreshomenageia Ariano Suassuna.

Seis Cavaleiros a procura do lendário autor Ariano Suassuna, invadem com música e poesia a cidade nordestina de Armorial. Eles contam e cantam sobre a lenda do cavaleiro nordestino, aquele que nasceu, amou, viveu e lutou usando as armas mais potentes: a pena e a tinta. O cavaleiro andante, de mistérios e mitos, deixou seu legado e perpetuou suas histórias e foi intitulado: Ariano – O Cavaleiro Sertanejo.

O Espaço das Artes Os Ciclomáticos fica na Rua Santana, 119 no centro da cidade.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here