Vencedor do Prêmio CBTIJ 2016 de Melhor Coletivo de Atores e Menção Honrosa no Prêmio Zilka Sallaberry 2017, pelo trabalho de experimentação, atuação e pesquisa na linguagem do clown, o espetáculo “Jogo!”, do Bando de Palhaços, está de volta ao circuito para uma curta temporada no Teatro Dulcina, de 18 de novembro a 03 de dezembro.

Em cena, o universo dos esportes é apresentado a partir do olhar e da lógica particular dos palhaços. Uma prova de natação iniciada em uma piscina que se transforma no fundo do mar, habitado por sereias, peixes e até tubarões; uma luta que mistura boxe com karatê e acaba em dança; uma partida de golfe na qual a bola ganha vida e se desespera com a perspectiva de ser atingida pelo taco do jogador são algumas das situações vividas pelos palhaços Lola (Ana Carolina Sauwen); Arlindo Ovelha (Matheus Lima) e Custódio (Tiago Quites), neste espetáculo cheio de ludicidade, irreverência e diversão. Marcha atlética, futebol, halterofilismo, ginástica rítmica e corrida de cavalos são outras modalidades olímpicas que ganham uma interpretação cômica da trupe.

“O espetáculo é fruto de um longo processo de pesquisa (de mais de um ano), durante o qual algumas perguntas guiaram as práticas: Como será que palhaços, esses seres altamente especializados em baixa performance, profundamente conhecedores do ridículo e da imperfeição, se relacionam com o mundo dos esportes e dos atletas, esses quase super-humanos focados no acerto, na vitória e a ultrapassar todos os limites?; Que olhar somente os palhaços podem ter sobre cada um dos esportes praticados?. A partir destas questões foram desenvolvidas as mais inusitadas situações”, destaca Ana Carolina Sauwen.

A trilha sonora é outro ponto alto da montagem. Composta em sua maioria por músicas clássicas, em alguns números ela é própria circunstância do jogo do palhaço, criando diversos ambientes, sentimentos e circunstâncias. O diretor musical Zé Luiz Rinaldi, em parceria com os atores, teve como inspiração os desenhos animados antigos, em que a música orquestral ditava o rumo dos personagens e tornava-se o elemento fundamental para o desfecho da história. O cenário, de Dodô Giovanetti, é composto por um biombo com diversas possibilidades de entradas e saídas, que ajudam a criar os universos distintos de cada um dos esportes ao longo da apresentação.

SERVIÇO
JOGO!
Temporada: 18 de novembro a 03 de dezembro
Dia e hora: sábados e domingos, às 16h.
LocaL: Teatro Dulcina (Endereço: Rua Alcindo Guanabara, 17, Centro – metrô Cinelândia)
Valor: R$30 / R$15
Faixa etária: 04 anos
Capacidade: 200 pessoas
Duração: 60 minutos

DEIXE UM COMENTÁRIO