No próximo dia 18 de Setembro, (quinta-feira) cineastas e cinéfilos, enfim conheceram o filme que representará o Brasil  na disputa por uma vaga no Oscar 2015, na categoria Melhor Filme Estrangeiro. 
Entre as curiosidades, a existência de duas animações, revelando uma nova, quem sabe, faceta do cinema nacional, bastante marcado pelas comédia de baixo orçamento e altos resultados nas bilheterias. 
Os últimos títulos que representaram o país na luta por essa vaga foram: O Som ao Redor (2014), O Palhaço (2013), Tropa de Elite 2: O Inimigo Agora é o Outro (2012), Lula, O Filho do Brasil (2011) e Salve Geral (2010). 

Confira os indicados para o Oscar 2015, (lembrando que Faroeste Caboclo, de René Sampaio, e A Coleção Invisível, de Bernard Attal, ficaram de fora por terem estreado no cinema fora do prazo estipulado pela Academia Brasileira de Cinema):


A Grande Vitória – Stefano Capuzzi
A Oeste do Fim do Mundo – Paulo Nascimento
Amazônia – Thierry Ragobert
Dominguinhos – Eduardo Nazarian
Entre Nós – Paulo Morelli
Exercício do Caos – Frederico Machado
Getúlio – João Jardim
Hoje eu quero voltar sozinho – Daniel Ribeiro
Jogo de Xadrez – Luís Antônio Pereira
Minhocas – Paolo Conti e Arthur Nunes
Não pare na pista: a melhor história de Paulo Coelho – Daniel Augusto
O Homem das Multidões – Marcelo Gomes e Cao Guimarães
O Lobo Atrás da Porta – Fernando Coimbra
O menino e o mundo – Alê Abreu
O menino no espelho – Guilherme Fiúza Zenha
Praia do Futuro – Karim Aïnouz
Serra Pelada – Heitor Dhalia
Tatuagem – Hilton Lacerda

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here