O anúncio sobre a morte de Osama Bin Laden no último domingo, 1º de maio, gerou mais do que comemorações nos Estados Unidos, sendo responsável também pelo início de rumores na indústria cinematográfica de estúdios desejando levar para as telonas a história por trás da operação americana responsável por derrubar o terrorista.
Mas enquanto filmes sobre a operação não chegam ao cinema (acredite, chegarão), um outro projeto se vê ameaçado de não ganhar vida. A diretora Kathryn Bigelow e o roteirista Mark Boal – vencedores do Oscar por Guerra ao Terror – estavam trabalhando em ritmo frenético na pré-produção de Kill Bin Laden , longa que contaria a história de como o exército americano tentou assassinar Osama em 2001, na fronteira entre o Afeganistão e o Paquistão, mas não foi bem sucedido.
As últimas notícias são de que Bigelow e Boal resolveram interromper a produção e refletir sobre o futuro da mesma. Ainda não é certo que o filme será cancelado, mas é bem provável que o roteiro sofra modificações diante do ocorrido. Cogita-se incluir a morte do terrorista no final do longa ou até mesmo mudar radicalmente o foco, para tratar justamente da operação que deu certo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here