Um ex-assassino resolve sair da aposentadoria para ir atrás dos gangster que lhe tiraram tudo.

Keanu Reeves interpreta Jonh Wick no filme de Chad Stahelski e David Leitch.  John Wick era um assassino de aluguel que se aposentou e após a morte de sua mulher se vê obrigado a voltar ao antigo trabalho. A vingança é a grande motivação da história. John Wick é uma lenda, um mito entre a sociedade criminosa que pertence. Seu nome é mais falado nos 96 minutos de projeção do que Beattlejuice em todo seu filme.

“De Volta ao Jogo” é uma festa de clichês onde todos os elementos e ícones já foram vistos em filmes do gênero. O interessante do filme é a sociedade dos assassinos e suas leis. O roteiro segue o manual padrão de regras e nem as falas são criativas. Dentro do gênero tem alguns estilos e esse segue O Exército de Um Homem só. Os confrontos são violentos e o herói luta e mata sem se abalar.

Os personagens são característicos e ganham vida com um bom elenco. Começando por Keanu Reeves, William Defoe, Ian McShane, Jason Isaacs e John Leguizamo. O vilão é um mafioso russo vivido pelo ator sueco Michael Nyqvist que fez Kurt Hendricks em Missão Impossível o Protocolo Fantasma. Como única mocinha da história está falecida, mesmo assim, eles fazem o que podem, mas não conseguem salvar o filme.

Tecnicamente é bem feito e só. Para quem não for muito exigente ou fã de algum dos atores, pode conferir e assistir sem muitas expectativas.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here